COPA VERDE

Com drama, Brasiliense avança à final

Correio Braziliense
postado em 18/02/2021 23:01

Foi com mais emoção do que o previsto, mas o Brasiliense carimbou o passaporte para disputar a final da Copa Verde pela primeira vez na história. Na tarde de ontem, o time amarelo recebeu o Vila Nova, no estádio Serejão, para disputar a partida de volta das semifinais. Na ida, o Jacaré havia vencido, por 2 x 0. Mesmo saindo na frente, o clube candango acabou derrotado pelos goianos por 3 x 1. Com a igualdade no agregado, a vaga na decisão veio somente nos pênaltis após brilho do goleiro Sucuri e vitória por 5 x 3.

Em uma etapa inicial bastante truncada, o Brasiliense pareceu que teria vida mais tranquila. Aos 13 minutos, Zé Love aproveitou cruzamento de Badhuga e abriu o placar. Com a grande vantagem construída, o Jacaré se defendia bem e impedia ataques perigosos do Vila Nova. Porém, o time goiano começou a reconstruir a história da partida por meio das bolas paradas. Com 25, Alan Mineiro cobrou falta no ângulo de Edmar Sucuri para igualar o marcador em Taguatinga.

Na volta do intervalo, o time amarelo seguiu criando, mas Balotelli e Zotti não aproveitaram. A falta de efetividade no ataque custou caro. Aos 20, Diogo derrubou Matheus Porto na área e a arbitragem assinalou o pênalti. Na cobrança, Alan Mineiro bateu firme e virou o jogo. Em um contra-ataque veloz, o Tigre chegou ao gol que forçou os pênaltis. Matheus Porto avançou pela direita, ganhou no pé de ferro contra Badhuga e cruzou para João Pedro, livre, fuzilar e marcar o terceiro.

Nas penalidades, o Brasiliense foi perfeito nas quatro primeiras cobranças: Michel Platini, Balotelli, Sandy e Aldo converteram. O Vila Nova também iniciou bem e marcou com Alan Mineiro, Dudu e Celsinho. Porém, no quarto pênalti goiano, brilhou a estrela de Edmar Sucuri. O goleiro pegou a batida de João Pedro. Coube a Tobinha marcar mais um para garantir a vitória por 5 x 3 e levar o Jacaré para a decisão. Na final, o adversário será o Remo-PA. (DQ)

 

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE