BRASILEIRÃO

Santos bate Grêmio e deixa Z-4

Correio Braziliense
postado em 10/10/2021 22:21
 (crédito: Lucas Figueiredo/CBF)
(crédito: Lucas Figueiredo/CBF)

Foi no sufoco, mas o Santos conseguiu vencer o Grêmio, ontem, na Vila Belmiro, por 1 x 0, e deixou a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. O time da casa martelou o adversário até o final e foi recompensado com um gol de Wagner, aos 46 minutos do segundo tempo.

A opção por uma formação com três zagueiros dos dois times poderia sinalizar uma tentativa de amarrar mais o jogo. Mas o que se viu foi o oposto disso. Com as duas equipes precisando da vitória, o duelo teve ótimas chances de gol de ambos os lados e os dois goleiros tiveram de trabalhar bastante, principalmente no lado do Grêmio.

A nota lamentável do clássico foi registrada após o apito final. Desesperado com a situação do tricolor gaúcho, o lateral-direito Rafinha agrediu um gandula e acabou recebendo o cartão vermelho.

Em outra partida, diferentemente do arquirrival, o Internacional celebra grande fase e goleou a Chapecoense, por 5 x 2, no Beira-Rio.

Yuri Alberto precisou de apenas 45 minutos para ser o protagonista da partida. O atacante, que ainda não havia jogado no Beira-Rio com a presença da torcida, marcou três gols no primeiro tempo e nem voltou para a etapa final, poupado pelo técnico Diego Aguirre. O nome do jogo chegou aos 10 gols e se igualou na artilharia do Brasileirão com Gilberto (Bahia) e Hulk (Atlético-MG).


São Paulo pega Cuiabá
Ainda pressionado, o São Paulo volta a campo hoje contra o Cuiabá com uma série de desafios. O principal deles é voltar a vencer na competição, para dar um pouco mais de tranquilidade ao técnico argentino Hernán Crespo. A partida será disputada às 20h, na Arena Pantanal. São cinco jogos de invencibilidade, mas, após a boa vitória sobre o Atlético-GO, o tricolor emendou quatro empates (América-MG, Atlético-MG, Chapecoense e Santos) e não conseguiu alcançar o grupo de cima da tabela de classificação.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE