LENDA DO AUTOMOBILISMO

Presidente da FIA comenta quadro de Schumacher: "Lutando pela vida"

Ex-chefe da Ferrari, Jean Todt revelou que visitou o amigo no último mês e mostrou otimismo na recuperação do heptacampeão mundial de Fórmula 1

VICTOR PARRINI*
postado em 08/11/2021 17:56
 (crédito: Patrick Hertzog/AFP)
(crédito: Patrick Hertzog/AFP)

Presidente da Federação Internacional de Automobilismo (FIA) e ex-chefe da Ferrari, Jean Todt revelou ao jornal britânico Daily Mail, que visitou, no último mês, o amigo e lenda do automobilismo, Michael Schumacher. Íntimo da família do ex-piloto, o mandatário da entidade máxima do automobilismo mundial revelou que Schumacher “está lutando pela vida”.

"Eu entendo que a família e os amigos o protegem porque esse é um momento em que ele deve estar em paz. Michael está lutando pela vida e nós temos esperança de que ele vá melhorar", declarou Todt antes da classificatória para o GP do México de Fórmula 1.

Todt ressaltou a força que a família vem tendo para superar o quadro clínico do heptacampeão mundial. “Fico contente que Mick (Schumacher) esteja na Fórmula 1. Ele está indo bem e essa é a paixão dele. Estou feliz que Gina-Maria tenha encontrado sua paixão com os cavalos”, compartilhou o chefão da F1.

Uma das poucas pessoas próximas à família Schumacher, Jean Todt não respondeu se o ex-piloto o reconheceu durante as visitas. No entanto, o ex-chefe da Ferrari deu um sorriso e mostrou otimismo com a recuperação do amigo.

Em 29 de dezembro, o grave acidente sofrido por Michael Schumacher completará oito anos. À época, o então piloto sofreu uma queda enquanto esquiava nos Alpes Franceses e teve danos cerebrais. Por opção, a família preserva o estado clínico da lenda mundial do automobilismo.

*Estagiário sob supervisão de Marcos Paulo Lima

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE