Candangão

Clássico só para alviverde ver

Disputado pela segunda vez fora do DF, jogo entre Gama e Brasiliense terá somente gamenses nas arquibancadas

VICTOR PARRINI*
postado em 20/03/2022 00:01

O clássico mais popular do Distrito Federal expandiu os limites do quadradinho. Hoje, pela segunda vez na história, Gama e Brasiliense se encontram longe da capital, no Estádio Serra do Lago, em Luziânia, em duelo pela terceira rodada do quadrangular semifinal do Campeonato Candango. Nas arquibancadas, porém, somente a cor alviverde vai se sobressair. Por pedido da Polícia Militar de Goiás (PMGO), o jogo 71 entre os times será testemunhado apenas por gamenses. A partida será transmitida pela TV Distrital no YouTube.

Periquito e Jacaré protagonizarão o segundo clássico verde-amarelo no ano. O primeiro foi em 26 de janeiro e terminou com a vitória alviverde por 3 x 2, no Estádio Nacional Mané Garrincha. A partida, no entanto, ficou marcada pela violência nas arquibancadas, entre membros organizados das duas torcidas. A pancadaria repercutiu negativamente e os envolvidos estão proibidos de frequentar as arenas do DF. O histórico de violência, inclusive, foi razão da corporação goiana pedir só uma torcida no Serra do Lago.

A corporação externou, ainda, que as condições dos portões de acesso, banheiros, lanchonetes e até mesmo das arquibancadas são precárias. No segundo jogo entre os rivais no quadrangular semifinal, a tendência é que a medida se repita. Nesse caso, entretanto, apenas torcedores do Brasiliense poderão ver a partida no Estádio Abadião, na quarta-feira, às 15h30.

Testemunhado presencialmente apenas pelos alviverdes, este será o segundo clássico entre Gama e Brasiliense disputado longe da capital federal, o segundo no estado vizinho. Em 2003, o Estádio Serra Dourada, em Goiânia, recebeu o clássico pela 13ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, que terminou com o triunfo amarelo por 2 x 0.

Mesmo que receba o clássico verde-amarelo pela primeira vez, o palco de hoje é um conhecido das duas equipes. Sem contar o Bezerrão, por falta de condições no gramado após abrigar um hospital de campanha no combate contra o novo coronavírus, o Gama disputará a quarta partida no Serra do Lago. Até o momento, foram duas como visitante e esta será a segunda como mandante. O Brasiliense, por sua vez, ainda não havia jogado em Luziânia na atual temporada, porém, conhece bem o gramado goiano.

As duas equipes chegam para o choque número 71 da história verde-amarela em momentos contrastantes. Enquanto o Jacaré lidera o quadrangular semifinal com quatro pontos em dois jogos e vem empolgado pela classificação à terceira fase da Copa do Brasil, o Periquito busca os primeiros pontos na fase derradeira. Nas duas primeiras rodadas, Jonilson Veloso e seus comandados amargaram derrotas para Capital e Ceilândia. Assim como na vitória da primeira fase, o Gama aposta em um triunfo contra o rival Brasiliense para retomar o rumo e tentar chagar na decisão da competição regional.

*Estagiário sob a supervisão
de Danilo Queiroz

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE