PAULISTÃO

Corinthians elimina o Guarani nos pênaltis

Danilo Queiroz
postado em 25/03/2022 00:01

Dos quatro semifinalistas do Campeonato Paulista, o Corinthians foi quem mais sofreu. Após ver Bragantino, São Paulo e Palmeiras se classificarem com vitórias no tempo normal, o alvinegro precisou das penalidades máximas para despachar o Guarani. Nos 90 minutos, os dois times empataram, por 1 x 1. Com uma defesa na marca da cal, Cássio classificou os corintianos, com vitória por 7 x 6.

A vaga alvinegra definiu os confrontos em busca de um lugar na final do Paulistão. No Morumbi, o São Paulo fará o clássico com o Corinthians. No Allianz Parque, Palmeiras e Bragantino medem força. Detalhes de datas e horários serão definidos pela Federação Paulista de Futebol (FPF).

O primeiro tempo na Neo Química Arena foi de domínio corintiano. O goleiro do Guarani, Mauricio Kozlinski, fez diversas intervenções importantes e viu Paulinho em impedimento quando a bola entrou pela primeira vez. Na base da insistência, o Corinthians conseguiu sair na frente. Após cobrança de escanteio de Renato Augusto, Gil cabeceou para a rede.

A etapa final trouxe um Guarani mais organizado e deu certo trabalho para o goleiro Cássio. O empate veio quando Giovanni Augusto colocou escanteio na cabeça de João Victor. Com a igualdade, os dois times tiveram algumas boas chances de terminar o tempo normal com a vitória, mas não tiveram sucesso. Nos pênaltis, a sequência das equipes era de 100% de aproveitamento até a sétima batida do Bugre. Madison chutou forte, mas com pouca qualidade, e parou nos pés do camisa 12 do Corinthians.

"Nenhum jogo é fácil. As equipes vão vir mais agressivas, isso é normal, e temos de ser agressivos também. Fizemos um jogo de razoável para bom, tem que melhorar muita coisa. Vamos pensar na semifinal. Cada jogo tem sua história, temos de estar preparado para tudo. Vamos melhorar alguns aspectos", avaliou Renato Augusto.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE