Ceilândia retorna ao Rio após 10 anos

VICTOR PARRINI*
postado em 12/05/2022 00:01

Desacostumado com os holofotes, o Ceilândia retorna, hoje, às 21h30, ao palco nacional, quando enfrenta o Botafogo, pelo jogo de volta da terceira fase da Copa do Brasil. O duelo de alvinegros no Nilton Santos marca o retorno dos candangos ao Rio de Janeiro após quase uma década sem exibições pelos gramados cariocas. A última vez foi em 9 de setembro de 2012, quando visitou o Friburguense pela segunda fase da Série D do Brasileiro. Na ocasião, o esquadrão do Distrito Federal foi derrotado de virada, por 2 x 1, e deu adeus ao sonho do acesso à terceira divisão.

O jogo de hoje tem enredo parecido. O Gato Preto joga por uma classificação remota. A derrota por 3 x 0 no Mané Garrincha deixou o time da capital federal em situação complicada. Para avançar no tempo normal, precisa golear por, pelo menos, quatro gols de diferença, um Botafogo embalado pela vitória no clássico contra o Flamengo.

Apesar dos desafios, o técnico Adelson de Almeida adianta uma possível postura. "A nossa intenção é tentar diminuir a diferença técnica e, principalmente, de intensidade de jogo, como foi na primeira partida. Naquela noite, estávamos muito modificados e tínhamos vários atletas chegando", analisou. Para o comandante, o retorno ao Rio é especial. "Estamos todos muito felizes. Creio que não seja exagero dizer que estaremos no estado que, por muitos anos, foi o berço do futebol nacional", concluiu.

* Estagiário sob a supervisão
de Danilo Queiroz

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE