Educação

Inscrições para o Prêmio Péter Murányi terminam em 31 de outubro

O tema desta edição é a educação e o projeto vencedor receberá R$ 200 mil. Para participar, a instituição onde o trabalho é realizado deve ser cadastrada na Fundação Péter

EuEstudante
postado em 19/10/2020 15:10
Ao longo de 19 edições, a Fundação investiu mais de três milhões em projetos inovadores e analisou 1.704 trabalhos -  (crédito: Giancarlo Duarte/Unsplahs)
Ao longo de 19 edições, a Fundação investiu mais de três milhões em projetos inovadores e analisou 1.704 trabalhos - (crédito: Giancarlo Duarte/Unsplahs)

O prazo para inscrição na 20ª edição do Prêmio Péter Murányi se encerra em 31 de outubro. O foco da premiação este ano é a educação, o projeto vencedor receberá R$ 200 mil. O trabalho precisa ser indicado por uma instituição cadastrada junto à Fundação Péter e atender a três critérios: inovação, aplicabilidade prática e resultados comprovados sobre seu impacto positivo para as populações de regiões em desenvolvimento. O regulamento e o formulário de participação estão disponíveis no site.


A participação é gratuita e os prêmios serão entregues aos autores dos projetos, sendo R$ 200 mil para o primeiro colocado e R$ 30 mil e R$ 20 mil para o segundo e terceiro lugares. A instituição onde o projeto é realizado precisa ser sediada no Brasil. Os trabalhos inscritos passarão por etapas de avaliação, sendo submetidos a uma Comissão Técnica e Científica, especialistas da área e a um júri.


O prêmio é realizado anualmente, alternando os temas "Alimentação", "Saúde", "Ciência & Tecnologia" e "Educação". A premiação conta com o apoio das seguintes entidades: Academia Brasileira de Ciências (ABC), Associação dos Cônsules no Brasil (Aconbras); Academia de Ciências do Estado de São Paulo (Aciesp); Associação Nacional de Pesquisa e Desenvolvimento das Empresas Inovadoras (Anpei); Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes); Centro de Integração Empresa-Escola (Ciee); Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq); (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp); e Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC).

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação