Festa dos visitantes

Barcelona e Paris Saint-Germain não tomam conhecimento de Manchester City e Bayer Leverkusen, que jogaram em casa, e encaminham a vaga

postado em 19/02/2014 00:00
 (foto: Nigel Roddis/REUTERS)
(foto: Nigel Roddis/REUTERS)

No duelo mais aguardado das oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa, o Barcelona voltou a mostrar sua força e bateu o Manchester City, na Inglaterra, por 2 a 0. Messi e Daniel Alves balançaram as redes. O argentino chegou ao gol de número 66 no torneio com a camisa do Barça, igualando o recorde de gols do atacante Raúl por um só clube (Real Madrid). Na outra partida de ontem, mais um visitante se deu bem. O Paris Saint-Germain atropelou o Bayer Leverkusen e praticamente se garantiu entre os oito melhores. Mais dois grandes clássicos do continente serão disputados hoje, ambos às 16h45 (de Brasília): Milan x Atlético de Madrid e Arsenal x Bayern de Munique.

Na Inglaterra, nos minutos iniciais, o Barcelona teve domínio da posse de bola, enquanto o City se limitava a defender em seu campo. A partir dos 15min, os ingleses saíram para o jogo e tiveram boas oportunidades para marcar. A partida, que se mantinha equilibrada, mudou totalmente de panorama a partir dos 7min do segundo tempo. Messi disparou em direção ao gol e sofreu um carrinho do zagueiro Demichelis. O árbitro sueco Jonas Erikson expulsou o defensor e marcou pênalti, convertido pelo camisa 10. Nos minutos finais, Daniel Alves tabelou com Neymar ; que havia entrado aos 28min ; e fechou o placar. O técnico Tite, atualmente sem clube, acompanhou a partida do estádio.

Mesmo jogando na Alemanha, o Paris Saint-Germain não tomou conhecimento do Bayer Leverkusen e goleou o adversário por 4 a 0. Logo aos 3min, o volante Matuidi abriu o placar. No fim do primeiro tempo, a estrela de Ibrahimovic voltou a brilhar. O atacante ampliou, de pênalti, aos 39min. Três minutos depois, o sueco marcou um golaço com uma bomba de perna esquerda. O craque do PSG alcançou a artilharia da Liga dos Campeões, com 10 gols ; Cristiano Ronaldo tem nove. Aos 43min da segunda etapa, com o Bayer já entregue, Cabaye fechou a conta.

CLÁSSICOS Atual campeão da Liga dos Campeões, o Bayern de Munique encara o Arsenal, em Londres, com dois desfalques para o confronto. O francês Ribéry e o suíço Shaqiri sofreram contusões em suas últimas participações no Campeonato Alemão e não têm condições de jogo. Na temporada passada, as duas equipes se enfrentaram e os bávaros prosseguiram. O Arsenal foi derrotado por 3 a 1 na Inglaterra e venceu por 2 a 0 na Alemanha. ;Nós estamos em melhores condições mentais do que no ano passado. Temos um espírito de equipe muito forte, temos um time unido e acreditamos mais em nós;, afirmou o técnico dos Gunners, Arsene Wenger.

Em Milão, os atleticanos entram em campo como favoritos para o primeiro grande desafio do holandês Clarence Seedorf como técnico da equipe da casa. ;O Milan tem a missão de jogar de maneira ofensiva, como manda a sua história. Estamos procurando colocar essa filosofia em prática e ela será muito útil neste confronto diante do Atlético de Madrid. Falo isso porque vamos precisar construir uma boa vitória, que nos dê tranquilidade na partida no Estádio Vicente Calderón;, disse o treinador. O comandante não confirmou a escalação de Kaká, que sentiu dores no tornozelo direito no fim de semana.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação