Metroviários voltam, enfim, ao trabalho

Metroviários voltam, enfim, ao trabalho

» GUILHERME PERA
postado em 04/05/2014 00:00
Após quase um mês de greve, os metroviários voltaram ontem ao trabalho, forçados pela decisão dos desembargadores da 1; Seção Especializada do Tribunal Regional do Trabalho de multar a categoria em R$ 20 mil por dia em caso de desobediência. Durante a paralisação, a quantidade de trens em funcionamento chegou a ficar abaixo dos 50% ; em certos momentos, circularam apenas sete composições das 24 que compõem a frota.

A categoria espera que a Companhia do Metropolitano do DF (Metrô-DF) ;cumpra a sua parte;. Segundo Tânia Vianna, diretora da Secretaria de Assuntos Jurídicos do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Transportes Metroviários do DF (SindMetrô-DF), as negociações ainda não foram retomadas. ;Fizemos nossa parte e, agora, esperamos que o Metrô cumpra o combinado na decisão do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) e reabra as negociações;, afirmou.

A assessoria de imprensa da Secretaria de Administração Pública informou que retomaria as conversas com os trabalhadores. As principais preocupações dos funcionários são a segurança nas condições de trabalho e a criação de um plano de previdência, previsto para janeiro de 2015. Ainda de acordo com a assessoria, a companhia está aberta ao diálogo e ;definirá pautas e datas;.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação