Estante

Estante

postado em 10/05/2014 00:00



Coleção História do Brasil Nação, vol. 5 ; Modernização, ditadura e democracia: 1964 ; 2010
De Marcelo Ridenti, Paul Singer, Herbert S. Klein, Francisco Vidal Luna, Francisco Carlos Teixeira da Silva e Daniel Aarão Reis. 323 páginas, Objetiva. R$ 49,90
O quinto volume da obra Coleção História do Brasil Nação apresenta os últimos 46 anos do país de uma perspectiva histórica e política, desde o golpe militar, em 1964, até a eleição de Dilma Roussef, em 2010. As transformações sociais, políticas, econômicas culturais e diplomáticas que atingiram o Brasil durante esse período são questionadas pelos pesquisadores.



Milênio
De Tom Holland. Tradução: Alexandre Martins. 434 páginas, Editora Record.R$ 55
Este estudo analisa o surgimento da Europa Ocidental, em meados do ano 900. Para a sociedade dessa época, a chegada do primeiro milênio representava a volta do Anticristo, juntamente ao fim do mundo. Califas, reis, vikings monges e servos são figuras evocadas nas primeiras Cruzadas e no auge da Constantinopla. Holland aborda como os conflitos dessa época levaram à fundação do Ocidente moderno.



Paisagens da Metrópole da Morte ; Reflexões sobre a memória e a imaginação
De Otto Dov Kulka. Tradução: Laura Teixeira Motta. 160 páginas, Editora Companhia das Letras. R$ 37, 50
Este ensaio é baseado em memórias do historiador israelense sobre o episódio do Holocausto. A partir de lembranças e pesquisas historiográficas, o autor busca compreender o tenebroso passado do século 20 vivido na infância. Aos 11 anos, presenciou o medo e trauma entre familiares e amigos presos no campo de concentração de Auschwitz. Com testemunhos e pesquisas, o autor tornou-se referência na reconstituição da história dos campos de concentração nazistas.



O Tronco e os Ramos ; Estudos de história da psicanálise
De Renato Mezan. 624 páginas, Editora Companhia das Letras. R$ 69
Para estabelecer as relações entre o pensamento freudiano e de seus sucessores, o psicanalista brasileiro organizou conceitos, cronologia e longa biografia. O autor dedica-se a esse estudo há mais de 30 anos, durante os quais analisou cartas trocadas entre Freud e outros pensadores centrais do movimento psicanalítico. A partir dessa análise, o autor estabelece as relações com a atualidade e os métodos clínicos modernos.



Pais inteligentes formam sucessores, não herdeiros
De Augusto Cury. 160 páginas, Editora Saraiva ; Selo Benvirá. R$ 14,90
Augusto Cury discute as diferenças entre herdeiros e sucessores. Para ele, herdeiros não valorizam o dinheiro, não cultivam bens, não valorizam conhecimentos e vivem à sombra dos pais. Já os sucessores, revelam habilidades emocionais e intelectuais altamente desenvolvidas e se tornarão adultos prontos para construir o próprio legado perante a sociedade. O autor apresenta 30 técnicas para que tanto pai quanto educadores possam transformar herdeiros e alunos em líderes ousados e empreendedores.



As Primeiras-Damas de Roma ; As mulheres por trás dos césares
De Annelise Freisenbruch. Tradução: Andrea Gottlieb de Castro Neves. 434 páginas, Editora Record. R$ 55
A partir de escritos antigos, a autora reconstitui biografias conservadas de mulheres da era romana imperial. Entre elas, uma filha que se embebedou no fórum e teve relação sexual com estranhos na tribuna. Essas mulheres tiveram suas reputações hostilizadas em Roma durante longos anos, nos quais os nomes das subversivas foram utilizados como justificativa para negar às mulheres participação na política. A autora apresenta evidências literárias, artísticas, arqueológicas e epigráficas atualizadas para revelar o complexo papel das imperatrizes na história da política e sociedade romanas.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação