Curtas - 24

Curtas - 24

postado em 27/05/2014 00:00
; CASO CARLOS MOTA
ESTRATÉGIA
PARA ADIAR
JULGAMENTO

Após seis anos, familiares e amigos do professor Carlos Mota, assassinado em 2008 por aluno e ex-estudantes do colégio onde era diretor, no Lago Oeste, podem ter de esperar ainda mais para ver o último acusado no banco dos réus. O advogado Francisco Afonso Alves da Silva, que representa Gilson de Oliveira, acusado de ser o mentor do crime, pediu o adiamento do júri por, no mínimo, 30 dias, alegando que a mulher dele será operada na quinta-feira, um dia após o julgamento. No ofício, o defensor alega que a cirurgia na família inviabilizaria a atuação dele em plenário porque ficaria com o ;pensamento dividido;. A juíza substituta do Tribunal do Júri de Sobradinho Edioni da Costa Lima deve decidir o caso em 24 horas.


; TRÂNSITO
Morte na
estrada
de terra

Um homem morreu após ser lançado para fora do veículo que dirigia, no início da tarde de ontem, em uma estrada de terra próxima à DF-250, em Planaltina. O Corpo de Bombeiros acredita que o motorista tenha perdido o controle da direção e capotado por se tratar de uma pista com o piso muito irregular. O batalhão do Corpo de Bombeiros de Planaltina foi acionado por uma testemunha que passava pelo local. A vítima estava sozinha no veículo.


; VIOLÊNCIA
Sequestradas na porta de supermercado

Duas mulheres foram vítimas de sequestro relâmpago no estacionamento de um supermercado da Quadra 8 de Sobradinho. O crime ocorreu por volta das 18h30 de domingo. Pouco tempo antes da abordagem, elas passaram em um banco na Quadra 6 para fazer um saque no valor de R$600. De lá, os dois criminosos teriam seguido as mulheres até o mercado. Quando saíram do estabelecimento, as vítimas foram abordadas pelos sequestradores. Eles utilizaram duas garrafas de cervejas quebradas para ameaçar e obrigá-las a entrarem no veículo, um Ford Fiesta preto. As duas foram abandonadas 40 minutos depois, em uma estrada de terra. Os bandidos levaram dinheiro, bolsas e o carro, que não havia sido encontrado até o fechamento desta edição. A 13; Delegacia de Polícia investiga o caso.



Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação