Rueda lamenta "resultado injusto"

Rueda lamenta "resultado injusto"

postado em 16/06/2014 00:00
 (foto: Adrian Dennis/AFP
)
(foto: Adrian Dennis/AFP )

Antes de ver tanta torcida a favor do Equador em Brasília, o técnico Reinaldo Rueda preferia manter os pés no chão. O discurso, no treino de sábado, foi de que a maior parte dos jogadores é inexperiente, já que o time não participou da Copa da África do Sul, em 2010. Ontem, depois de ver o Mané Garrincha pintado de amarelo, Rueda mudou de ideia: ;Talvez o resultado tenha sido injusto;, disse, tentando não se mostrar abalado na coletiva de imprensa.

;Conseguimos manter o controle no jogo todo. No fim, tivemos essa desorganização momentânea, senão conseguiríamos o empate;, ressaltou. O comandante fez elogios aos rivais. ;A Suíça lida muito bem com a saída rápida;, analisou ele, negando ter sido surpreendido pelas alterações do técnico rival, Ottmar Hitzfeld. Seferovic e Mehmedi, que entraram no segundo tempo, foram os autores dos dois gols suíços. ;Não ficamos surpresos. Sabíamos que eles eram bons e suas qualidades.;

Com jogadores fortes e preparados para o clima brasiliense, Rueda sentiu-se em casa. Principalmente pelo apoio das arquibancadas. ;Acho que isso foi muito positivo, a atmosfera vivida aqui. Brasília demonstrou que é um mercado importante do futebol;, comentou.

;Acho que isso foi muito positivo, a atmosfera vivida aqui. Brasília demonstrou que é um mercado importante do futebol;
Reinaldo Rueda, técnico do Equador

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação