Técnico alfineta Hulk

Técnico alfineta Hulk

postado em 18/06/2014 00:00
 (foto: Marcelo Regua/Reuters
)
(foto: Marcelo Regua/Reuters )


Fortaleza ; Para Felipão, ;uma dor mínima; foi a responsável por tirar Hulk da partida contra o México. Questionado por que o atacante não entrou em campo, o técnico tirou de si a responsabilidade e disse que caberá ao atleta trabalhar a cabeça para aceitar as dores e recuperar a titularidade. ;Ele tinha condições de atuar, mas eu fiz a opção pelo Ramires. O Hulk vai trabalhar esta semana e, se ele se sentir melhor mentalmente e ver que aquela dor mínima é normal para qualquer jogador, porque os exames não demonstram nada, claro que ele tem chance de jogar;, comentou.

Hulk teve uma opinião diferente sobre a dor no músculo da coxa esquerda, sentida ao longo da última semana e que o obrigou a fazer um exame de ressonância magnética em Fortaleza, na manhã de segunda-feira. À tarde, ficou no hotel e nem chegou a treinar no Castelão. Ontem, o atacante afirmou que não estava lesionado e poderia ter entrado em campo.

;Todo mundo sabe que eu quero sempre jogar, mas o que posso fazer? Só respeitar a decisão do treinador. Estou bem, tranquilo e não estou lesionado. Nem falei com o Felipão;, contou. ;Aliás, ele nem me deve satisfação. Toma a decisão que achar melhor;, emendou o atleta, antes de embarcar no ônibus da Seleção Brasileira. (BM)

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação