Avaliação técnica

Avaliação técnica

postado em 26/06/2014 00:00
Acabamento da carroceria
A qualidade final do acabamento da pintura não é boa, pois contém vários pontos com impurezas e imperfeições na preparação da chapa. As tampas do porta-malas e do capô têm boa montagem. As quatro portas têm montagem aceitável. As lanternas, faróis, para-choques, emblemas, grade dianteira e retrovisores apresentam boa montagem.

Altura do solo

Não tem chapa protetora em aço para o cárter do motor e câmbio. Não ocorreram interferências com o solo numa condução mais prudente e atenta sobre piso irregular usual, saídas de garagem com desnível e na transposição de quebra-molas, inclusive com o veículo carregado.

Vão do motor
O motor 2.0 16V preenche bem o vão e o acesso à manutenção é limitado a vários componentes. Quando aberto, o capô é sustentado por vareta manual e tem bom ângulo de abertura. O resultado do isolamento acústico é razoável em relação ao habitáculo com o motor em alta rotação. O vão tem aspecto limpo e organizado e os itens de verificação constante têm fácil verificação e manuseio.

Climatização
Sistema é automático digital. Existem quatro difusores de ar no painel, com distribuição satisfatória. Mas faltam saídas específicas para os passageiros de trás. O nível de ruído de funcionamento está adequado (sete velocidades da caixa de ar) e o conjunto mostrou-se bem vedado na opção com somente recírculo interno de ar. Apresentou um bom funcionamento em geral.

Freios
O pedal de freio tem boa sensibilidade e relação. O ABS está bem calibrado e atuou com eficiência quando solicitado. Apresentaram bom comportamento dinâmico em geral. A desaceleração foi eficiente e sem alteração na trajetória, mesmo em frenagem de emergência em velocidade elevada sobre piso seco de asfalto e terra batida. O freio de estacionamento é por comando manual e atuou normalmente.

Câmbio
É o Multi Drive-S CVT, que tem modo sequencial de sete velocidades, podendo ser acionado através de toques na própria alavanca principal e, também, nas aletas incorporadas ao volante. Apresentou um ótimo funcionamento, em geral. No console central tem tecla com função "Sport" que altera o gerenciamento eletrônico do câmbio, permitindo uma melhor dinâmica ao automóvel. Proporciona uma dirigibilidade agradável, com muito conforto e sem trancos, além de boa resposta em kick down.

Motor

As retomadas de velocidade e aceleração são eficientes e rápidas para a cilindrada e peso do veículo. A dirigibilidade é prazerosa devido à união com o câmbio CVT, apresentando ganhos evidentes na performance quando se aciona a tecla Sport. Apresentou bom funcionamento e a partida a frio (que não tem reservatório independente com gasolina) com somente etanol no tanque foi imediata, com marcha lenta linear e aceleração progressiva, mesmo com o motor pouco aquecido. Apesar de ter o torque máximo (20,7kgfm) a 4.800rpm, a sua condução em baixo regime de rotação no uso urbano é positiva.

Nível interno de ruídos

O efeito aerodinâmico é contido, mesmo em alta velocidade. No habitáculo surgem vários ruídos, principalmente no painel/quadro de instrumentos quando se roda sobre piso de calçamento, asfalto mal conservado e estrada de terra.

Direção

A coluna de direção tem ajuste manual em altura e distância, com curso razoável. A assistência elétrica progressiva tem cargas bem definidas para o uso misto. A precisão na reta e em curvas é boa. A velocidade do efeito retorno e o diâmetro de giro satisfazem.

Suspensão
A estabilidade é boa devido à precisão no contorno de curvas feitas em velocidade usual e com pouca inclinação da carroceria. Numa condução bem esportiva, fazem falta os controles eletrônicos de estabilidade e tração em curvas de raios curto e médio, feitas no limite da aderência lateral. O conforto de marcha é satisfatório passando a aceitável quando o veículo está carregado.

Iluminação

O grupo óptico dianteiro tem construção com duplo refletor e lâmpadas halógenas e o resultado final em iluminação é bom. No habitáculo existe uma lanterna na zona central do teto e outra bipartida junto ao retrovisor, que satisfazem. Luz de cortesia somente no porta-malas e porta-luvas. Não tem sensor crepuscular. Falta regulagem elétrica de altura do facho em função da carga transportada.

Limpador do para-brisa
Não tem sensor de chuva. A área de varredura é satisfatória e as palhetas são de boa qualidade. Ao esguichar água (dois jatos do tipo spray), o sistema de limpeza entra em operação automaticamente. O acesso ao reservatório de água instalado dentro do vão do motor é fácil.

Estepe/macaco
O estepe fica dentro do porta-malas, no fundo do assoalho e somente o pneu é igual aos de uso. A operação de troca é normal. O kit de troca está acondicionado ao lado do estepe.

Alarme

A chave de ignição é codificada e do tipo canivete. As quatro portas têm função um toque para descer/subir os vidros e o sistema antiesmagamento atuou com precisão. Existe proteção perimétrica das partes móveis, mas falta a volumétrica contra invasão, através da quebra dos vidros. Ao dar comando para travar as portas por controle remoto inserido na chave de ignição, os vidros sobem automaticamente se continuar pressionando a tecla.

Volume do porta-malas
O declarado é 470 litros, o mesmo encontrado na nossa medição.

Avaliações do engenheiro Daniel Ribeiro Filho, da Tecnodan


Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação