Rebeldes contra-atacam na Ucrânia

Rebeldes contra-atacam na Ucrânia

postado em 12/07/2014 00:00
 (foto: Genya Savilov/AFP)
(foto: Genya Savilov/AFP)



Separatistas pró-Rússia atacaram com mísseis um posto de fronteira ucraniano na região de Lugansk, matando 23 homens das Forças Armadas, de acordo com um porta-voz militar. O presidente Petro Poroshenko prometeu ;encontrar e destruir; os responsáveis pela ação, que deixou cerca de 100 feridos.

No aeroporto de Donetsk, capital da província de mesmo nome, rebeldes fortemente armados combateram o avanço das tropas enviadas de Kiev (foto), enquanto grande parte dos moradores buscava formas de deixar a cidade. O líder rebelde Alexander Borodai tinha informado à imprensa, na quinta-feira, que cerca de 70 mil residentes haviam fugido, temendo as consequências do avanço das forças oficiais. Parte da população tem como destino final a Crimeia, península anexada pela Rússia em março deste ano.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação