Let`s ROCK!

Let`s ROCK!

Esta garotada está na maior onda rock%u2018n%u2019 roll para celebrar amanhã o dia desse estilo musical. Confira como eles se inspiram para tocar e cantar

postado em 12/07/2014 00:00
 (foto: Ana Rayssa/Esp.CB/D.A Press)
(foto: Ana Rayssa/Esp.CB/D.A Press)

Comemorado em 13 de julho, o Dia Mundial do rock está chegando e essas crianças ficam animadas para curtir com muito rock;n; roll. O estilo surgiu nos anos 1960 nos Estados Unidos como uma variação do Blues, teve seu desenvolvimento na Inglaterra e hoje se expressa em inúmeras variações para agradar a diversos públicos, como pop-rock, heavy metal, grunge e muitos outros.


; O que eu mais gosto do rock é a atitude, o jeito de se vestir, e principalmente gosto muito de curtir o momento no palco como se não houvesse amanhã.


Quem fala é Igor Torres, 13 anos, fã de Iron Maiden e baterista da banda Prismah. Ao lado de Bernardo Marum, Daniel Ribeiro e Humberto Souto, todos com 13 anos, a banda leva a galera à loucura nos shows que realizam durante o recreio da escola. Um dos guitarristas da banda, Bernardo Marum, conta que a banda já conquistou vários fãs.


; Enquanto a gente tocava, todo mundo em volta estava cantando. Até as meninas mais velhas! Depois, quando entramos na sala, todo mundo ficou batendo palma, até o professor. As pessoas até chegam e perguntam: ;quando é que vocês vão tocar de novo?;


Como toda banda, a Prismah deve muito do seu sucesso a um grande empresário. Bernardo conta que, sem Diego Ribeiro, 15 anos, irmão de Daniel, provavelmente os colegas nunca teriam se juntado em uma banda e feito tanto sucesso. Para manter os roqueiros unidos e afinados, Diego marca ensaios, consegue shows em festas de aniversário dos amigos e, é claro, nunca deixa acabar a animação.


; Eu sou o cara que faz os contatos com a galera. Até consegui colocar a banda na imprensa! As pessoas precisam conhecer a gente, né.


Inicialmente, Bernardo e Daniel tocavam guitarra juntos só pelo prazer da música. Até que viram Igor batucando na carteira da sala de aula e ficaram curiosos. Quando descobriram que ele tocava bateria, logo chamaram Igor para entrar no grupo. E o amigo Humberto Souto, 13 anos, aprendeu a tocar baixo só para completar a banda, que começou os trabalhos formalmente em 2012.


; O único problema foi achar alguém pra cantar. A gente tem voz de bebê e não fica legal. Aí a gente pensou: quem aqui canta menos mal? E escolhemos o Daniel, explica Bernardo.


Por conta disso, a banda Prismah valoriza mais os instrumentos e toca músicas mais conhecidas para que as pessoas ajudem a cantar. Entre as músicas que fazem mais sucesso com a plateia, está Mulher de fases, dos Raimundos. Mas o grupo já planeja algumas músicas de composição autoral a partir do ano que vem. Segundo Igor, essa é a melhor parte de estar em uma banda.


; Eu gosto muito do companheirismo, da amizade. Nós ficamos muito mais próximos quando fazemos música. Eu amo a atitude rock;n; roll!

Girl power
; Meu pai mostrou um filme de rock, aí eu comecei a gostar! Aí eu ouvi muito, muito, muito as músicas do Kiss e hoje eu adoro rock!
Maíra Matteo, 7 anos, mostra que as meninas também curtem muito rock;n; roll. O professor de canto e teclado já sabe que Maíra adora rock, mas por enquanto ela treina músicas mais fáceis, de pop-rock, para mais tarde conseguir aprender os hits de que tanto gosta.
; Por enquanto eu toco algumas músicas do One Direction, mas já pedi para o meu professor me mostrar o AC/DC. Gosto muito dos Beatles e queria tocar Imagine!
Maíra gosta tanto de música que já teve até uma banda. A The Stars começou com Maíra e outras amigas, que também faziam aula de música na Musicamania, e chegou a contar com vários instrumentos. Além do teclado e dos vocais, a banda tinha violão e bateria.
; Eu achava bem legal ter uma banda, eu ficava bem animada quando ia tocar. A gente não conversava muito antes da banda, mas, quando a gente tocava, parecia que era amiga desde bebezinho, na barriga da mamãe.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação