A volta do Castelo Rá-Tim-Bum

A volta do Castelo Rá-Tim-Bum

A série brasileira voltou a ser reprisada para celebrar os 20 anos dos feitiços da bruxa Morgana e das travessuas de Nino e seus amigos

postado em 12/07/2014 00:00
 (foto:  TV Cultura)
(foto: TV Cultura)

;Bum, bum, bum! Castelo Rá-Tim-Bum!”, diz a canção que leva a garotada ao mundo mágico de Nino e companhia. ;Plift, ploft, still;, gritam Zequinha, Pedro e Biba e, num passe de mágica, a porta do palácio se abre. As aventuras dessa garotada encantaram gerações durante 20 anos e voltaram a deixar muita gente com os olhos vidrados na telinha. Os portões do castelo estão novamente abertos para quem quiser assistir: fora do ar desde outubro de 2012, a série volta a ser exibida na TV Cultura. A comemoração não para por aí: no Museu da Imagem e do Som, em São Paulo, uma exposição sobre a série vai ocupar dois andares do espaço a partir da próxima quarta-feira (16).


O folhetim conta uma história para lá de diferente, repleta de magia e bom humor, com 29 personagens entre fantoches e atores reais. Entre os brasileirinhos que curtem o programa está Sarah Alarcão, 12 anos.


; Eu não me lembro muito bem da história, mas eu sei que tem uma bruxa chamada Morgana e uma cobra falante que se chama Celeste. Quando eu era menor, eu via muito com a minha mãe. Agora, vou voltar a assistir.
Herendhyra Oliveira, 12, começou a assistir a série por influência da irmã mais velha e gostou.


; Eu gosto muito porque mistura ficção e fantoches, mas o que mais me chama atenção são os figurinos da Morgana. As roupas e o cabelo dela são muito diferentes.

Assista!
Castelo Rá-Tim-Bum é exibido em três horários diferentes na TV Cultura: de segunda a sexta-feira, às 11h30; segundas, quartas e sextas, às 19h; e às terças e quintas, às 19h30.

A turma do menino de 300 anos
A série conta a história de Antonino Stradivarius Victorius II, mais conhecido como Nino, um jovem diferente e que tem uma carinha que esconde os 300 anos que possui! O menino vive com os tios Morgana ; feiticeira de mais de 6 mil anos ; e doutor Victor ; que tem mais de 3 mil anos e foi amigo de Leonardo da Vinci ;, além de muitos outros habitantes misteriosos do castelo como as fadinhas Lana e Lara, os três passarinhos e os nove bonecos falantes: a cobra Celeste, o Gato Pintado, o Relógio, o Mau, o assistente Godofredo, o Ratinho, o Porteiro, a gralha Adelaide, o par de botas Tap e Flap e o Fura-bolo. Apesar de bem-humorado, o jovem tem um grande problema! Por conta da idade, ele não consegue se matricular em nenhuma escola. A história tem início quando Nino, ao olhar pela janela, avista um menininho com uma bola na saída do colégio.

Uma herança divertida
Apesar de serem mãe e filho, Pedro Campelo, 6 anos, e Viviani compartilham um passatempo de infância: o Castelo Rá-Tim-Bum. Tudo começou quando o tio do menino o chamou para assistir a um episódio na internet.
; Eu adorei porque eu costumo assistir muitos desenhos que passavam antigamente como o Manda-chuva. Eu sou fã do Castelo Rá-Tim-Bum, apesar não ter nenhum amigo que também gosta do programa. Entre os personagens, gosto bastante da cobra Celeste porque ela tem uma voz bem engraçada e divertida. Eu também gosto muito do Pedro porque ele descobre várias coisas e faz muitas investigações dentro do castelo. E o Nino porque ele é o personagem principal e por causa do cabelo diferente que ele tem.


Para Viviani Campelo, mãe de Pedro de 6 anos, a série representa uma parte divertida da infância e traz boas lembranças.
; Quando podemos, eu e meu marido assistimos ao programa com o Pedro. É uma forma de relembrar.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação