Botafogo perde para Figueirense

Botafogo perde para Figueirense

postado em 21/08/2014 00:00
O Botafogo não repetiu a atuação da última rodada, quando bateu o Fluminense, e foi derrotado pelo Figueirense ontem por 1 x 0 no Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis. A equipe carioca deixa de se afastar da zona de rebaixamento. Agora, apenas um ponto a separa do Z-4. Com 17 pontos, um a mais que o Botafogo, o Figueira segue em recuperação.

A vitória brindou o melhor time em campo. O elenco catarinense mostrou bom futebol logo no início da partida, quando estabeleceu a vantagem. Depois, a equipe soube defender o resultado. O Botafogo, por sua vez, foi irregular e quase não conseguiu incomodar o goleiro do oponente.

Aos dois minutos, a defesa carioca parou, Marcão entrou pela direita e cruzou para Clayton concluir,de primeira, acertando a rede de Jefferson.

Somente depois de sofrer o gol é que os cariocas chegaram à intermediária do Figueira. Os donos da casa procuravam administrar a vantagem, esperando o Glorioso em seu campo e tentando explorar os lancamentos para os atacantes. Com meia hora de jogo, os cariocas subiram de produção e passaram a pressionar em busca do empate.

No intervalo, o atacante botafoguense Rogério entrou no lugar do volante Gabriel. Com três atacantes e apenas Airton como volante defensivo, o time carioca tentou imprensar os anfittriões desde os primeiros minutos. O Figueirense adotou postura defensiva e mantinha apenas os atacantes Clayton e Marquinhos abertos na frente, esperando lançamentos.

Os dois times passaram a errar muitos passes, o que tornou a partida monótona. O Figueirense se preocupava em segurar o resultado, enquanto o Botafogo encontrava muitas dificuldades para trocar passes no ataque. Nos minutos finais, o Botafogo partiu para o desespero. Aos 47 minutos, Edilson exigiu uma grande defesa de Tiago Volpi no último lance importante do jogo.



1 ponto
Distância entre o Botafogo e a zona de rebaixamento



FICHA TÉCNICA:
FIGUEIRENSE 1 X 0 BOTAFOGO

FIGUEIRENSE
Tiago Volpi; Leandro Silva, Nirley, Marquinhos e Cereceda; Luan (Dener), Rivaldo, Marco Antônio e Giovanni Augusto; Clayton (Pablo) e Marcão (Jean Carlos)
Técnico: Argel Fucks

BOTAFOGO
Jefferson; Edílson, Bolívar, André Bahia e Junior Cesar; Airton, Gabriel (Rogério), Luis Ramírez (Bolatti) e Daniel (Gegê); Zeballos e Ferreyra
Técnico: Vágner Mancini.

Gol: Clayton, aos 2 minutos do primeiro tempo.
Cartões amarelos: Clayton; Luis Ramírez e Rogério
Público: 7.109 presentes
Renda: R$ 94.145



Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação