Fluminense veta greve de Fred

Fluminense veta greve de Fred

postado em 22/08/2014 00:00
 (foto: Fernando Cazaes/Photocamera - 25/7/14)
(foto: Fernando Cazaes/Photocamera - 25/7/14)


A paciência de parte da torcida com o Fluminense chegou ao fim. Após perder para a Chapecoense na noite de quarta-feira e completar três jogos sem vitórias no Campeonato Brasileiro ; além de ter sido goleado pelo América-RN, no Maracanã, e eliminado da Copa do Brasil ;, o time foi recebido sob protestos, ontem, no aeroporto Santos Dumont, no Rio.

Ao menos 15 torcedores, alguns identificados com camisas de uma das organizadas do clube, foram ao setor de desembarque hostilizar os jogadores. Moedas foram atiradas. Entre os gritos de ;mercenários; e ;time sem vergonha;, os torcedores também hostilizaram jogadores. Diego Cavalieri, Fred e Walter foram xingados. Na saída, um carro e uma van com alguns atletas foram chutados.

Indignado, Fred contra-atacou em uma rede social. O centroavante reclamou da atitude dos torcedores do Fluminense. Em uma manifestação franca, o dono da camisa 9 da Seleção na última Copa do Mundo chamou os torcedores de ;20 marginais, desocupados, bandidos, vagabundos; que estavam ;tentando agredir jogador;. Além disso, ameaçou boicotar a próxima rodada. ;Se a diretoria não tomar uma posição, eu, como capitão do time, vou reunir o grupo, e o Fluminense não entrará em campo no para enfrentar o Sport. Eles usam as armas que têm, e nós usaremos as nossas. A diferença é que somos trabalhadores honestos, eles são a escória da sociedade. Lugar de bandido é na cadeia!”, escreveu.

O diretor executivo tricolor, Paulo Angioni, falou em nome do clube e descartou a greve. ;Em relação à parte que me cabe, toda e qualquer proteção será dada. Eu respeito, entendo toda e qualquer manifestação, desde que ela seja ordeira. Quando ela não é ordeira, a gente reprova. Não vai chegar (a ter a greve) porque a direção do clube vai tomar todas as precauções necessárias para proteger o bom desenvolvimento do trabalho;, afirmou o dirigente.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação