Eixo capital

Eixo capital

Ana maria campos/anacampos.df@dabr.com.br helena mader / helenamader.df@dabr.com.br
postado em 03/09/2014 00:00

Deputados distritais pelos ares

A Câmara Legislativa abriu um pregão para selecionar uma agência de viagem que ficará responsável pela emissão de passagens aéreas nacionais e internacionais. O valor do contrato é de R$ 558 mil. O que chama a atenção no edital é o gasto médio estimado para cada bilhete: R$ 3.491,16. A concorrência pública, que será realizada na próxima quarta-feira, prevê a aquisição de 155 passagens em 20 meses. A taxa máxima de agenciamento prevista em contrato é de R$ 109,07.



Campos opostos

Questionado por um internauta em uma rede social se aceitaria ser ministro da Educação de um eventual governo de Marina Silva, Cristovam Buarque (PDT) respondeu: ;Votarei nela, e no Senado poderei apoiar seus programas;. Logo em seguida, o senador foi interpelado virtualmente pela deputada distrital petista Arlete Sampaio. ;Ainda é tempo de votar no que é melhor para o Brasil: Dilma. Seu partido está na coligação;, afirmou a parlamentar. Cristovam e Arlete já estiveram no mesmo time: a petista foi vice-governadora durante a gestão do atual pedetista à frente do Palácio do Buriti.



Mistério em Ceilândia

A coordenação da campanha do tucano Luiz Pitiman está revoltada com o sumiço de cavaletes do candidato em Ceilândia. Eles reclamam que o material de campanha some misteriosamente durante o dia e reaparece durante a madrugada, justamente quanto a exposição de publicidade é proibida e o candidato fica sujeito a multas. A campanha teve que reforçar o pessoal na região para evitar a aplicação de sanções.



O próximo

A impugnação da candidatura do distrital Aylton Gomes (PR) por causa da Lei da Ficha Limpa já está no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). No último fim de semana, o processo foi para o Ministério Público Eleitoral, que dará parecer. Mas a Corte deve fazer um sorteio para a escolha de um novo relator. Quem recebeu o processo foi a ministra Laurita Vaz, que acaba de deixar o TSE. Como a condenação por improbidade administrativa em segunda instância de Aylton Gomes ocorreu bem antes do prazo de registro, não deve haver divergências quanto ao caso.




No MP

A defesa de José Roberto Arruda (PR) recorreu ao STJ para reclamar da lentidão do TJDF em analisar os recursos contra a condenação do candidato. Esta semana, a desembargadora Carmelita Brasil, relatora do processo na 2; Turma Cível do Tribunal de Justiça do DF, encaminhou os autos ao Ministério Público do DF para análise. Isso porque o pedido dos advogados pode ter ;efeitos modificativos;.



Traição

O governador Agnelo Queiroz (PT) recebeu um alerta do deputado distrital Chico Vigilante (PT). ;Tem gente com cargos no governo traindo ele (sic), exatamente da mesma forma com que a Maria de Lourdes Abadia foi passada para trás nas eleições de 2006;, afirmou Vigilante. Ele se refere aos integrantes do governo de Abadia que, naquele pleito, pediam votos para Arruda, em vez de apoiar a reeleição da então governadora. Hoje, na Secretaria de Agricultura, há uma forte atuação em prol de Rollemberg. Pessoas ligadas ao ex-distrital Raad Massouh, que até hoje tem ingerência na Secretaria da Micro Empresa, pedem votos para Arruda, assim como funcionários da Secretaria de Trabalho, controlada por aliados do Bispo Renato.



Meu quinhão

Arthur da Cunha Nogueira deixou a administração regional do Riacho Fundo 1 para se dedicar à campanha do sobrinho, o deputado Cristiano Araújo (PTB), que é candidato à reeleição. Desde julho, ele já estava totalmente focado na corrida eleitoral, mas só agora se afastou da administração pública. Mas a região continua sob o domínio do parlamentar: a nova administradora, Ana Lúcia Pereira de Melo, também é indicação de Cristiano.



De volta

Servidor concursado da Câmara Legislativa, Joan Goes Martins Filho estava desde dezembro como secretário adjunto de Planejamento, mas deixou o Executivo na semana passada. No retorno ao Legislativo, ele foi nomeado assessor do deputado distrital petista Cláudio Abrantes.



Aporte milionário

O governo editou um decreto para liberar operações de crédito perante o Banco do Brasil no valor de meio bilhão de reais. Esses recursos poderão ser usados para melhorias viárias, implantação de calçadas e malha cicloviária.



Siga o dinheiro

R$ 12.032,00

Valor de licitação da Polícia Civil do DF para a aquisição de artigos de cama, mesa e banho



A pergunta que não quer calar;.

Depois de indicar novamente membros para o Conplan, o governo vai conseguir colocar o colegiado finalmente em funcionamento?



Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação