Noite variada

Noite variada

postado em 03/09/2014 00:00
 (foto: Janine Moraes/CB/D.A Press)
(foto: Janine Moraes/CB/D.A Press)


Endereços para segmentos específicos, como o GLS Bardot Pub, o roqueiro América Rock Club e o irreverente Queens Nightclub, de strip-tease, têm hora certa para lotar. Neste último, a frequência ocorre durante o fim da madrugada, pelas 3h ou 4h.

Por outro lado, a regra no Capella Lounge Bar é chegar cedo. Segundo a professora de ioga Luciana Miller, as mulheres pontuais costumam entrar de graça. ;As opções para entrar sem pagar são chegar em determinado horário, mais ou menos até as 23h, ou colocar o nome na lista;, comenta. Ela e as amigas, todas moradoras do Núcleo Bandeirante, costumam ir a Taguatinga pelo menos duas vezes por semana.

A Polícia Militar, que circula pelo local com frequência, garante que não há grandes problemas de segurança. De acordo com o soldado Maciel Souza Vieira, os maiores transtornos são causados por cidadãos embriagados. ;É comum, como em todo local onde existe agrupamento de pessoas, nada além da média;, diz.

A secretária Karla Souza mora próximo ao Pistão Sul, ponto que acredita ser o mais movimentado de Brasília. ;Não existe nada tão cheio e com tantas opções quando esta rua;, brinca. Ela e o namorado, Sidney Pinheiro, não costumam visitar outras as baladas na região. ;Viemos aqui para conhecer, mas o local é muito tranquilo;, conta o rapaz.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação