horóscopo

horóscopo

Estaria tudo bem%u2026

Oscar Quiroga %u2022 oscar.quiroga@estadao.com.br
postado em 10/10/2014 00:00

Data estelar: Mercúrio reingressa em Libra; Lua míngua em Touro
Estaria tudo bem, não fosse essa sensação esquisita que não te permite ter absoluta certeza de estar tudo bem. Estaria tudo bem, não fosse os fatos não corresponderem às palavras. Ainda por cima é daqueles que mais incoerência demonstram que provém a cobrança de que tu sejas absolutamente coerente. Estaria tudo bem, não fosse que conceitos nobres são utilizados de máscaras que servem para ocultar crimes e injustiças. Estaria tudo bem, não fosse que o divino apresentado pelas religiões oficiais da atualidade é uma instância inatingível, uma dimensão que acontece alheia aos horrores com que tens de conviver diariamente. Estaria tudo bem, não fosse que apesar de teres cumprido o roteiro civilizado que tua boa educação promoveu, te encontras agora num calabouço existencial.

ÁRIES (21/03 a 20/04)
Aceite as limitações e lide com elas ciente de serem temporárias. Enquanto durarem, prefira optar por escolhas mais seguras, ajustando-se às circunstâncias, sem seguir seu impulso criativo, que manda fazer tudo diferente.

TOURO (21/04 a 20/05)
Neste momento será melhor evitar atrair a atenção, mas se isso for impossível, porque você tem obrigações a cumprir, então se muna de algum personagem que sirva de escudo defensor, por trás do qual você se ocultar.

GÊMEOS (21/05 a 20/06)
Guardar segredos dá trabalho, porque você se coloca numa posição na qual terá de mentir toda vez que a sensibilidade alheia perceber que algo diferente está em andamento. Nunca menospreze a sensibilidade das pessoas.

CÂNCER (21/06 a 21/07)
Dê uma chance, as pessoas podem ser sempre as mesmas, apesar de dizer que elas mudaram, mas as circunstâncias certamente mudam e isso coloca você num cenário completamente diferente. Dê uma chance, tudo será diferente.

LEÃO (22/07 a 22/08)
Há margem para avançar, mas acontece que isso depende de várias pessoas coordenarem movimentos, e aí a coisa que era para ser simples complica demais. Contudo, assim mesmo você terá de esforçar-se para isso acontecer.

VIRGEM (23/08 a 22/09)

É emocionante fazer planos para o futuro, porque esses não estão sujeitos às limitações da atualidade. Porém, apesar da legitimidade desse exercício, considere com atenção os assuntos atuais que requerem sua atenção.


LIBRA (23/09 a 22/10)
Valerá a pena continuar em frente mesmo que isso signifique colocar em risco a harmonia dos relacionametos que considerar mais importantes. Neste momento não seria sábio você tentar agradar a todo mundo.

ESCORPIÃO (23/10 a 21/11)
Confiar nas pessoas será sempre um problema para sua natureza, mas haverá momentos, como o atual, em que será imprescindível atrever-se a dar um voto de confiança a alguém. Neste momento você precisa de uma mão amiga.

SAGITÁRIO (22/11 a 21/12)
Receber ajuda é emocionante, mas há momentos em que você deve tomar a atitude de rejeitar essa ajuda, e fazê-lo de forma elegante, afirmando que será melhor você primeiro fazer a sua parte para só depois aceitar a ajuda.

CAPRICÓRNIO (22/12 a 20/01)
Há margem suficiente para mudar esta parte do destino, mesmo que a essa altura pareça impossível. A impossibilidade reside apenas na forma de pensar os acontecimentos. Faça valer a sua força de vontade, mude tudo.

AQUÁRIO (21/01 a 19/02)

Você está diante da oportunidade de livrar-se de assuntos que se alastram há muito tempo, mas requer que as negociações deixem o campo das picuinhas e as pessoas envolvidas se abstenham da paixão pela queda de braço.

PEIXES (20/02 a 20/03)
A mente anda a mil, fazendo um montão de conjecturas e se preparando para elaborar todas as justificativas que, aparentemente, serviriam de escudo para se defender. Melhor mesmo seria abrir o coração e a mente.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação