Fim trágico de miss

Fim trágico de miss

Corpos de María José Alvarado e da irmã são achados às margens de rio. Suspeito do crime que chocou o país está detido. Vítima de 19 anos embarcaria para Londres, onde participaria do Miss Mundo

postado em 20/11/2014 00:00
 (foto: Reuters)
(foto: Reuters)





A polícia de Honduras confirmou ter encontrado os corpos de María José Alvarado, Miss Honduras 2014, e da irmã dela, Sofía Trinidad Hernández, às margens de um rio no oeste do país. Ambas estavam desaparecidas desde o dia 13, quando foram vistas pela última vez em uma festa de aniversário, num balneário perto da cidade de Santa Bárbara, a 200km da capital, Tegucigalpa. A região é conhecida pela atuação de narcotraficantes. Segundo a investigação oficial, o crime ocorreu no dia do sequestro e foi cometido pelo namorado de Sofía, Plutarco Ruiz, detido pelas autoridades hondurenhas.

María José, 19 anos, embarcaria ontem a Londres, onde participaria do concurso Miss Mundo. Por meio de nota, a produção do evento se disse ;devastada;. A Miss Brasil, Júlia Gama, usou as redes sociais para comentar o crime. ;Estou em estado de choque, é um momento muito triste para todos nós. Eu ofereço as sinceras condolências aos pais de María;, escreveu.

;Podemos confirmar que são os corpos delas;, assegurou Leandro Osorio, chefe da polícia hondurenha. ;Temos o autor deste crime hediondo, o sr. Plutarco Ruiz. Com ele, encontramos a arma do crime e o veículo utilizado para transportar os corpos;, completou. A mãe das jovens, Teresa Muñóz, havia reportado o desaparecimento delas à polícia de Santa Bárbara, no sábado. Segundo Osorio, os restos mortais das irmãs foram localizados na aldeia de Cablotal, no município de Arada, à beira do Rio Aguagual.

Na avaliação da polícia de Honduras, há mais pessoas envolvidas no sequestro seguido de duplo assassinato. Osorio acredita que os demais suspeitos ; atualmente sob investigação das autoridades ; teriam tentado distorcer a cena da tragédia, destruindo as provas. Ele ressaltou que ;as unidades de investigação do Estado criaram uma frente comum para lidar com o crime abominável, que causou comoção em todo o país;. De acordo com o Observatório da Violência da Universidade Nacional Autônoma de Honduras, o país detém o maior índice de homicídios no mundo: 79 para cada 100 mil pessoas.

Desolação
Em Londres, a presidente da Organização Miss Mundo, Julia Morley, afirmou estar ;desolada pela perda trágica;. ;Todos nós fomos invadidos por uma grande tristeza ao tomarmos conhecimento desta fatalidade;, lamentou, em nota. Segundo o documento divulgado ontem pela produção do evento, um tributo especial às jovens está previsto para domingo. ;Todas as concorrentes ao prêmio de Miss Mundo estarão presentes à cerimônia para rezar por elas e por sua família;, completa o texto.

Morley contou ter recebido muitas mensagens de condolências e de apoio. Em reação à morte de María José, a organização do Miss Mundo anunciou que pretende angariar fundos a serem doados às crianças carentes de Honduras. Depois de ser eleita a mulher mais bonita do país, María credenciou-se a concorrer ao prêmio em nível mundial, contra candidatas de 120 nações. A grande final do concurso está marcada para 14 de dezembro, na capital britânica.


Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação