China: nova queda de juro

China: nova queda de juro

postado em 26/11/2014 00:00
Em movimento oposto ao dos Estados Unidos, onde há projeção de aumento de juros já nos primeiros meses de 2015, a expectativa é de que a China comece um movimento sem volta para flexibilizar a política monetária a fim de combater a desaceleração da economia. Depois do primeiro corte nos juros desde 2012, quando a taxa de depósito caiu 0,25% para 2,75%, e a de empréstimo, 0,4% para 5,6%, os analistas esperam por novas reduções. ;O PBOC (banco central chinês) mudou sua política monetária por uma mais flexível, o que significa que há condições para novos ajustes; analisa Liu Ligang, economista-chefe para China do ANZ Bank.

Apesar de a flexibilização ter sido comemorada pelo mercado, há consenso entre especialistas que a decisão de mexer nos juros pode não ser suficiente para conter a desaceleração do crescimento. A economia chinesa foi afetada pela bolha imobiliária e pela redução das exportações, mas também pela ampla campanha anticorrupção que está sendo implementada pelo governo. ;A China está sob pressão desde o começo desse ano;, disse o primeiro-ministro Li Keqiang, na véspera do anúncio de corte nas taxas pelo banco central.

Antes de decidir mexer na política monetária, as autoridades chinesas preferiam medidas parciais, como as limitadas reduções nas reservas bancárias ou as injeções de liquidez no sistema bancário. Todas com eficácia reduzida, na opinião de analistas, já que não reverteram a queda do Produto Interno Bruto (PIB) do país de 7,5% no segundo trimestre, para 7,3% entre julho e setembro.

Trata-se do nível de crescimento mais baixo desde o primeiro trimestre de 2009, em plena crise financeira mundial, e põe em xeque o objetivo oficial do governo de crescer 7,5% em 2014. Para especialistas, é preciso privilegiar sobretudo as reformas para estimular o consumo interno.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação