TIMELINE

TIMELINE

postado em 02/12/2014 00:00
 (foto: Brendan Smialowski/AFP)
(foto: Brendan Smialowski/AFP)

Menos da metade

Para quem vive grudado no smartphone e conectado 24 horas por dia, como boa parte dos leitores do Informática, é quase impossível imaginar a vida sem a web. Entretanto, essa não é a realidade da maioria dos seres humanos. A União Internacional de Telecomunicações (UIT), uma agência da Organização das Nações Unidas (ONU), divulgou um relatório mostrando que, até o fim deste ano, o número de usuários de internet vai ultrapassar a marca dos 3 bilhões. Embora o número seja expressivo, ao analisar a densidade populacional do planeta, dá para perceber que ainda é muito pouco: representa apenas 40,4% dos habitantes, menos da metade.

Houve avanços, evidentemente. Nos países considerados em desenvolvimento, como o Brasil, o número de usuários dobrou nos últimos cinco anos, chegando a cerca de 2 bilhões. Mas 90% das 4,3 bilhões de pessoas desconectadas vivem justamente nessas nações.

No ranking do IDI (Índice de Desenvolvimento de TIC), o Brasil ocupa a 65; posição. Ele mede a proporção de pessoas e residências com acesso à internet, telefonia fixa e móvel, além de alfabetização e nível educacional ; isso para tentar mensurar se as pessoas sabem, de fato, usar esses recursos.

Quanto aos preços de telefonia e internet, o país está em 90; lugar em uma lista de 166 países, em que quanto mais longe do primeiro lugar, pior ; o que, honestamente, não surpreende. Segundo o relatório, 44% dos domicílios com computador não tinham internet em 2013. O motivo? Considerá-la cara demais. Já os territórios com telefonia e internet mais baratas do mundo passam longe dos Estados Unidos e da Europa. Os campeões em economia são todos asiáticos: Macau, Singapura, Kuwait e Catar.


SUCESSO NA REDE
Se você não viu (ou melhor, se não ouviu), pelo menos deve ter reparado em um link que não para de circular no Facebook. Com o nome Teste Auditivo 3D ; Ouvir bem faz bem, ele pode ser acessado pelo site testeauditivo3d.com.br. Embora pareça, não é nenhum clichê ou apenas algo divertido. É uma experiência chocante e que, realmente, vale ser compartilhada. Porém, sem spoilers nesta página! Quem quiser entender do que se trata, coloque seu fone de ouvido, aperte o play e feche os olhos. Vai chegar o momento em que dá vontade de abrir e fazer alguma coisa. Mas, bem, essa é justamente a intenção da campanha.


TUMBLR DA VEZ
O Google Street View capta imagens de diversas partes do mundo. E, dependendo do local e do momento, elas são impressionantes. Tanto que foi criado um tumblr só para essas preciosidades, o streetviewphotographs. tumblr.com. Praias, fundo do mar, montanhas, desertos, neve, pôr do sol e ruínas são algumas das paisagens que você encontra na página. As fotos são tratadas pelo Polarr, editor on-line gratuito, e são belíssimas, especialmente para fotógrafos e para quem gosta de viajar.


INSTAGRAM DA VEZ
Momentos que merecem ficar na lembrança não acontecem apenas na vida real. O Whatsapp, por exemplo, é cheio deles ; pelo menos é o que defende o perfil Diálogos no WhatsApp, no Instagram. A conta reúne diversas conversas ;mais do que normais;, segundo a própria descrição, que, ao contrário do boca a boca, ficam registradas, em princípio, para sempre. Um desses diálogos, por exemplo, é uma tirada. Uma pessoa diz: ;Oi. Desculpa a pergunta, mas você ficaria comigo?;. E a outra responde: ;Está desculpado;. Para ver mais, acesse instagram.com/dialogosnowhatsapp.


APLICOTECA

Flesky
(iOS ; US$ 0,99)

Se você gosta de digitar muito rápido, este é o app ideal. Trata-se de um teclado digital que usa gestos: deslizar o dedo para a direita para dar espaço e para cima para desfazer correção automática, por exemplo.

Facebook Groups
(Android ; gratuito)

Para quem utiliza muito (ou apenas) os grupos do Facebook, saiba que agora existe um aplicativo só para eles. Dessa forma, o usuário não recebe notificações de mensagens ou atualizações, mas acessa diretamente os grupos.

Duolingo
(Windows Phone ; gratuito)

Chegou ao Windows Phone, o app que já é sucesso no iOS e no Android. É utilizado para aprender idiomas gratuitamente, no smartphone, e conta com vários exercícios.

Learn french
(BlackBerry ; gratuito)

Os smartphones podem ser úteis também para aprender
outra língua e o app Learn French pode ajudar. Além de exercícios, há tarefas de pronúncia. O software é recomendado para turistas.



Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação