Um Lolla para chamar de seu

Um Lolla para chamar de seu

Brasília receberá versão reduzida do evento com shows de The Smashing Pumpkins e Young The Giant, em março

» Rebeca Oliveira
postado em 12/01/2015 00:00
 (foto: Andrew Cowie/AFP - 30/6/13 )
(foto: Andrew Cowie/AFP - 30/6/13 )

Para o criador do Lollapalooza, Perry Farrell, a música só funciona quando feita por instinto. O festival nasceu dentro dessa essência: a princípio, seria apenas o show de despedida da banda Jane;s Addiction, da qual é vocalista. A banda não acabou e o evento musical, realizado desde o início dos anos 1990 em Chicago, é um dos maiores do planeta. Com versões latino-americanas há alguns anos, chega a vez de Brasília sentir o gostinho do festival.

A cidade receberá pela primeira vez uma versão reduzida do Lollapalooza, em 27 de março, com shows dos americanos The Smashing Pumpkins e Young The Giant no Net Live. Os ingressos começam a ser vendidos em 21 de janeiro.

As duas bandas escaladas para o sideshow em Brasília seguem caminhos distintos. De um lado, o grupo de rock melódico capitaneado pelo cultuado Billy Corgan. Quase 30 anos de estrada e hits do calibre de 1979 e Tonight, Tonight completam o currículo. A versão paulista começa um dia depois e vai até 29 de março e terá mais de 45 atrações, incluindo a brasiliense Scalene.

Quem abre os trabalhos é o Young The Giant, grupo de indie rock californiano pouco conhecido no Brasil, mas capaz de arrancar boas críticas nos festivais por onde passa. E que carrega um fã especial ; Morrisey. O eterno líder do The Smiths rasgou elogios aos americanos, alegando que a banda restaurou sua fé na música. ;Se houver alguma justiça do mundo, o Young The Giant será ainda maior do que já é;, declarou.

Segundo Alexandre Faria, um dos produtores do evento, a escolha das bandas se deu após sondagem com o público local sobre qual das atrações de São Paulo ele gostaria de ver aqui. ;Os artistas receberam muito bem a notícia de que viriam. Conhecem a cidade por sua arquitetura;, afirma. O produtor, que também trará Joss Stone pela primeira vez à capital em março, não hesitou ao colocar Brasília no circuito do Lolla. ;Empatada com Porto Alegre, é o terceiro polo consumidor de música no país;, avalia Alexandre. O evento ocorrerá em outras três capitais: Belo Horizonte, Rio de Janeiro e Porto Alegre.


4 anos
Tempo de realização do festival no Brasil


150 mil

Número de pessoas que participaram da última edição do evento em São Paulo


PROGRAME-SE


Confira as principais atrações que se apresentarão na matriz brasileira
do Lollapalooza, no Autódromo de Interlagos, em São Paulo.

Sábado (28 de março)


; Jack White and The Sensational Space Shifters
; Bastille
; Marina and the Diamonds
; Banda do mar
; Boogarins
; E-cologyc Vs Jakko


Domingo (29 de março)

; Pharrel Williams
; Calvin Harris
; The Smashing Pumpkins
; Young The Giant
; O Terno
; Scalene


SAIBA MAIS


The Smashing Pumpkins

Com tom ácido, Billy Corgan (único membro remanescente do grupo desde a sua formação) reluta em dizer que o Smashing Pumpkins se rende à nostalgia. No entanto, é impossível ouvir o grupo e não relembrar de clássicos como Tonight, Tonight. Uma das bandas mais importantes do rock mundial e na ativa há quase 30 anos, já lançou nove álbuns. O mais recente deles, Monuments to an Elegy, chegou às lojas em dezembro e tem a participação de Tommy Lee e Jeff Schroeder, do M;tley Crüe. Segundo Corgan, existe uma chance de, após lançar o disco Day for night, programado para este ano, a banda chegar ao fim.


Young The Giant

Formado por Sameer Gadhia (voz), Jacob Tilley (guitarra), Eric Cannata (guitarra e vocais), Payam Doostzadeh (baixo) e François Comtois (bateria e vocais), o Young The Gigant começou a carreira com o nome The Jakes, alterado em 2009. Um ano depois, lançou o primeiro disco, que levava o nome do grupo e lhe rendeu comparações com bandas pop britânicas, como o Coldplay. Antes de ganhar projeção mundial, abriu shows de Marina and the Diamonds (uma das atrações da edição paulista do Lolla) e participaram da versão americana do evento. Cough Syrup, Apartment e My body são as músicas mais conhecidas.


The Smashing Pumpkins
(Abertura Young the Giant)


Dia 27 de março, no Net Live (SHTN, Tr, 2, Conjunto 5, Lt. A) Ingressos a R$ 210 (pista premium); R$ 230 (pista premium, segundo lote); R$ 100 (pista); R$ 125, pista, segundo lote); R$ 250 (camarote). Não recomendado para menores de 16 anos. Vendas a partir de 21 de março pelo site ingressorapido.com.br.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação