Show do poderoso

Show do poderoso

Messi brilha na vitória do Barcelona diante do Manchester City, que carimba a vaga do time catalão às quartas de final da Liga dos Campeões. Paredão, o goleiro Hart evita goleada dos donos da casa

postado em 19/03/2015 00:00
 (foto: Lluis Gene/AFP)
(foto: Lluis Gene/AFP)


Com mais um grande desempenho do craque argentino Lionel Messi, que atuou como garçom de luxo, o Barcelona garantiu a classificação para as quartas de final da Liga dos Campeões. A equipe catalã bateu o Manchester City por 1 x 0, no Camp Nou.

Sem poder contar com o volante Sergio Busquets, o técnico Luis Enrique resolveu colocar o argentino Javier Mascherano para atuar mais adiantado, como volante, na posição que ocupa na seleção argentina, deixando o francês Mathieu ocupar o lugar na zaga.

Do lado do City, a única surpresa foi a escalação do francês Bacary Sagna na lateral direita, no lugar do argentino Zabaleta, uma escolha do técnico Manuel Pellegrini para contar com um jogador mais rápido e tentar conter as investidas de Neymar ; que perdeu várias chances ; pela ponta esquerda.

A principal diferença em relação ao jogo de ida, porém, foi o retorno de Yaya Touré, que fez muita falta no meio de campo e melhorou muito o jogo da equipe no Camp Nou.
O croata Ivan Rakitic anotou o único gol da partida, aos 35 minutos de jogo. Ele encobriu o goleiro Joe Hart com muita categoria, após receber um passe primoroso do camisa 10.

O argentino não parecia incomodado com o fato de Cristiano Ronaldo ter igualado seu recorde de gols na Champions (75) e preferiu desfilar sua classe ao deixar os companheiros cara a cara com o goleiro diversas vezes, além de levantar a torcida com dribles desconcertantes.

O Barça poderia ter garantido a vaga com tranquilidade, mas perdeu um caminhão de gols ; esbarrando em defesas milagrosas do paredão Hart ; e levou um grande susto a 15 minutos do fim, quando Aguero sofreu um pênalti, mas desperdiçou.

Com a eliminação do atual campeão inglês, que perdeu o jogo de ida por 2 x 1, em Manchester, a Premier League, campeonato mais rico do planeta, já não tem mais representante na maior competição de clubes da Europa.
Antes do City, o Chelsea ficou pelo caminho, em confronto épico com o Paris Saint-Germain, na semana passada; o Arsenal também foi eliminado por um time do Campeonato Francês, o Monaco; e o tradicional Liverpool deu vexame maior ainda ao deixar a competição logo na fase de grupos.

Tevez comanda

Na outra partida da rodada, com atuação de gala de Carlos Tévez, a Juventus venceu por 3 x 0 o Borussia Dortmund, na Alemanha, e se classificou com sobras às quartas de final. O argentino abriu o placar logo aos três minutos com um chutão de fora da área. No segundo tempo, o espanhol Álvaro Morata ampliou aos 25, com assistência de Tévez, que fechou a conta aos 34.

Em nenhum momento, o Borussia deu sinais de que poderia reverter o placar, no que acabou sendo uma vitória justa para o atual tricampeão italiano.





"Acho que fizemos uma grande partida. Deveríamos ter marcado mais gols, talvez, mas o público viu um grande jogo e um grande Barça;

Rakitic,
autor do gol catalão





Sorteio amanhã
Os duelos das quartas de final da Liga dos Campeões serão conhecidos amanhã, por meio de sorteio. Os clubes classificados à próxima fase são, além de Barcelona e Juventus: Monaco, Porto, Bayern de Munique, Atlético de Madri, PSG e Real Madrid.



Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação