Fique em casa

Fique em casa

Remake de filme francês, 13º distrito mostra o combate ao tráfico de drogas e à violência

postado em 03/04/2015 00:00
 (foto: Califórnia Filmes/Divulgação)
(foto: Califórnia Filmes/Divulgação)



Adrenalina em alta

Estreia de amanhã na tevê fechada, 13; distrito é uma refilmagem do longa francês Banlieue 13, de 2004.

O filme de estreia de Camille Delamarre na direção de longas se passa em Brick Mansions, área da cidade de Detroit que tem índices de violência tão altos que acabou abandonada pela prefeitura.

O local foi dominado por vários traficantes, entre eles Tremaine Alexander (Robert Fitzgerald Diggs).

O especialista em le parkour, Lino, interpretado por David Belle, que também estrelou a versão francesa do filme, tenta combater com as próprias mãos o tráfico e a violência na região, mas acaba preso por causa de seus antecedentes na polícia.

É quando conhece o policial Damien Collier (Paul Walker), um dos únicos que ficou a salvo da corrupção e que se preocupa com a população de Bricks.

O personagem de Walker (Velozes e furiosos), um dos últimos que o ator interpretou antes de morrer em 2013, recebe como missão recuperar uma bomba capaz de matar milhões. Lino, que quer resgatar sua namorada raptada por Tremaine, decide ajudá-lo na tarefa.


US$ 28 milhões

orçamento do longa

Serviço

13; distrito

Amanhã, no Telecine Premium, às 22h

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação