Bellucci vence set, mas perde para Djokovic

Bellucci vence set, mas perde para Djokovic

postado em 15/05/2015 00:00
 (foto: Tiziana Fabi/AFP)
(foto: Tiziana Fabi/AFP)


O brasileiro Thomaz Bellucci jogou bem, mas não conseguiu segurar o sérvio Novak Djokovic, líder do ranking mundial, nas oitavas de final do Masters 1000 de Roma. O paulista chegou a vencer o set inicial de partida, porém acabou perdendo o duelo de virada: 2 sets a 1, com parciais de 5/7, 6/2 e 6/3, em 2 horas de partida.

Foi o terceiro confronto da carreira de Bellucci contra Djokovic e o segundo em que ele consegue tirar um set do líder do ranking mundial. Isso também ocorreu na semifinal do Masters 1000 de Madri de 2011, em que o sérvio venceu de virada. O outro jogo entre eles ocorreu na edição de 2010 do torneio de Roma, com triunfo por 2 sets a 0 do tenista de Belgrado.

Bellucci precisou passar pelo qualifying para entrar na chave principal do evento italiano nesta temporada. Depois de avançar, venceu na primeira rodada com a desistência do argentino Diego Sebastian Schwartzman, por lesão. Na segunda, derrotou o espanhol Roberto Bautista-Agut, 19; colocado da lista da ATP, classificando-se para enfrentar Djokovic.

Sem pressão, já que enfrentava o rival favoritíssimo, Bellucci adotou um estilo de jogo muito agressivo. Com golpes seguros da linha de base, sobretudo no forehand, causou problemas ao sérvio. A primeira quebra de serviço do jogo foi a favor do paulista, no 11; game do set inicial. Na sequência, sacou para fazer 7/5.

Bellucci continuou incomodando Djokovic na segunda parcial, mas o jogo defensivo do tenista sérvio começou a funcionar melhor. No quarto game, o líder do ranking mundial conseguiu quebrar o serviço do brasileiro e ficar em vantagem no placar. Isso lhe deu segurança para ditar o ritmo e fazer 6/2.

O jogo seguiu parelho no terceiro set. Djokovic parecia ter assumido o controle ao quebrar o saque do brasileiro no sexto game. Mas Bellucci se manteve atuando com agressividade e venceu o serviço do sérvio já no game seguinte. Aí a experiência do número 1 fez diferença.

Em vez de se abalar com a chance perdida, Djokovic continuou atuando em alto nível e colocando pressão sobre o paulista. Como resultado, conseguiu nova quebra e então sacou para fechar o set e a partida. O próximo adversário do sérvio será o japonês Kei Nishikori.

Ele jogou muito bem, fez as escolhas táticas certas;
Djokovic,

sobre Bellucci





Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação