Cirurgias bem-sucedidas

Cirurgias bem-sucedidas

Após operações no rosto e no braço, agente do DER atropelado em blitz deverá ficar mais três dias no hospital. Depois, passará por novas intervenções cirúrgicas

» ADRIANA BERNARDES
postado em 27/05/2015 00:00
Continua internado o agente de trânsito do Departamento de Estradas de Rodagem (DER) Marcelo Martins, 28 anos. Na noite de segunda-feira, ele passou por uma cirurgia, que começou por volta das 19h, e voltou para o quarto perto das 2h30 de ontem. De acordo com o diretor-geral da autarquia, Henrique Luduvice, os médicos informaram que as cirurgias na mandíbula, no queixo e no braço foram bem-sucedidas. ;O Martins deverá ficar três dias no hospital, em recuperação. Após esse período, retornará para casa, onde aguardará a redução do inchaço e dos edemas para voltar ao hospital e ser submetido às operações na face e nariz;, disse Luduvice.

Marcelo foi atropelado por um motorista alcoolizado e sob efeito de maconha, por volta das 5h do último domingo. Uma equipe do DER se preparava para desmontar a blitz quando o carro conduzido por Ricardo Rodrigues Ferreira, 36 anos, passou por cima dos cones e acertou Marcelo. A vítima caiu em cima de uma agente, que teve uma luxação na perna e passa bem. Já Ricardo arrancou com o carro e só parou após ser perseguido por uma viatura do DER. Ainda assim, tentou fugir a pé. O homem foi submetido ao teste do bafômetro, que acusou a presença de 0,74 miligrama de álcool por litro de ar expelido dos pulmões. Acima de 0,3, é considerado crime.

Menos de 36 horas após o acidente, a Justiça concedeu o direito de Ricardo Rodrigues responder ao processo em liberdade. Primeiro, o juiz plantonista Matheus Stamillo Santarelli Zuliani, do Tribunal do Júri do Núcleo Bandeirante, concedeu habeas corpus mediante fiança de R$ 30 mil. A defesa recorreu, alegando que ele não tinha como pagar o valor. A juíza Delma Santos Ribeiro reavaliou o caso e reduziu a fiança para R$ 3 mil. O alvará de soltura foi expedido na segunda-feira. Mas Ricardo continuava na Carceragem do Departamento de Polícia Especializada no início da noite de ontem, pois havia um mandado de prisão contra ele por falta de pagamento de pensão alimentícia.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação