Grita geral

Grita geral

postado em 10/06/2015 00:00


Educação

Falta de bonificação
Dois professores da rede pública que preferiram não se identificar enviaram mensagens ao WhatsApp do Correio (9256-3846) informando que os profissionais da educação que fizeram aniversário em maio não receberam o 13; salário antecipado no referido mês, conforme previsto em lei. ;O GDF, no entanto, disponibilizou o contracheque desse pagamento, como se ele tivesse sido feito. Isso é um absurdo;, reclama um deles. Os servidores também se queixam que nenhuma satisfação foi dada no site oficial do governo ou do Sindicato dos Professores (Sinpro). ;Eles pagaram apenas o salário habitual do mês.;

; A Secretaria de Educação informa, por meio de assessoria de Comunicação, que o Tesouro confirmou o depósito do 13; salário dos servidores efetivos do Governo do Distrito Federal que fizeram aniversário em maio, na noite da última segunda-feira. Assim, os valores deveriam estar disponíveis para saque ontem.


Caesb
Água contaminada
O leitor Vilmar Sousa Rosa, morador da VC 311, em Ceilândia, ligou para a redação do Correio (3214-1166) para reclamar que a água que abastece a região é imprópria para uso. Segundo ele, existe um laudo que comprova contaminação por coliformes fecais. O leitor afirma que, em 2008, a Administração Regional de Ceilândia enviou o documento à Companhia de Abastecimento do Distrito Federal (Caesb) para análise e possível resolução do problema, mas, até hoje, nada foi feito. ;Eu moro aqui há muito tempo e, antigamente, nós tínhamos água potável. Mas, desde que a área do Condomínio Sol Nascente foi construída, a nossa água ficou contaminada, e a deles é boa;, lamenta. Ele conta que, há poucos dias, uma criança que mora na região foi internada em um hospital por ter bebido a água contaminada.

; A Caesb, por meio da Ouvidoria, esclarece que a área em que o leitor reside não dispõe de rede pública de abastecimento de água; portanto, não é fornecida pela empresa. A respeito do documento mencionado na reclamação, a Caesb informa que ele se encontra em tramitação na Secretaria de Gestão de Território e Habitação, aguardando parecer sobre a possibilidade de regularização fundiária da região, o que determinará o atendimento com abastecimento de água pela Caesb.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação