Alegria dos sorteados

Alegria dos sorteados

Torcedores festejam os ingressos obtidos para o evento. De acordo com a organização, cerca de 1,6 milhão de bilhetes foram distribuídos nessa primeira etapa de vendas. Em 1º de julho, começa nova rodada

RODRIGO ANTONELLI
postado em 10/06/2015 00:00
 (foto: Arquivo Pessoal)
(foto: Arquivo Pessoal)


O dia de ontem foi agitado para quem se inscreveu no sorteio a fim de comprar ingressos das Olimpíadas do Rio. O resultado começou a ser divulgado às 10h, com os contemplados recebendo e-mails do Comitê Organizador Local (COL). Nas redes sociais, os que demoraram mais para receber ; ou não receberam ; a mensagem ficavam ansiosos com o passar do tempo e destoavam daqueles que comemoravam a ;conquista;. Segundo a organização, cerca de 1,6 milhão de bilhetes foram distribuídos nessa primeira etapa de vendas e 65% dos torcedores conseguiram pelo menos um ingresso.

Entre os felizardos, apenas 14% tiveram satisfação total ; ou seja, conseguiram todas as entradas que haviam pedido. A brasiliense Giselle Coutinho, 32 anos, foi uma delas. Logo pela manhã, se empolgou com o resultado. ;Vou ver futebol, handebol, judô e vôlei de praia. Não pedi mais ingressos porque é um período difícil de tirar férias, mas estou feliz que consegui todos os que queria;, conta a servidora pública. ;Estou muito animada, sempre quis ver uma Olimpíada de perto. Acho que vai ser até melhor do que a Copa, já que reúne todo mundo em uma mesma cidade. Além disso, a diversidade (de nações) é maior;, celebra.

João Matheus Ribeiro, 20 anos, não poderá ir ao Rio durante os Jogos, mas ficou contente por poder fazer parte da festa aqui de Brasília mesmo. ;Consegui ingressos para a família inteira (mãe, pai e irmão) para três jogos masculinos e dois femininos aqui no Mané Garrincha. Nem sou grande fã da modalidade, mas é uma oportunidade única;, conta. ;Não quis comprar ingressos para a Copa, mas depois me arrependi;, lembra o estudante, que agora terá de desembolsar R$ 1.770 pelos 20 ingressos.

O valor é até baixo, se comparado ao de outros pedidos. De acordo com o COL, a demanda mais alta foi de R$ 53,6 mil, e 20 solicitações superaram os R$ 40 mil. Grande parte dos pedidos ficou entre R$ 2 mil e R$ 10 mil, como o do paulista Virgílio Russo, que terá de pagar R$ 5,8 mil por todos os ingressos que conseguiu.

;Vale a pena. Vou assistir à final do handebol feminino, às semis do futebol e à do basquete, além da final de duplas de tênis. Uma grande experiência;, avalia. Russo reclama, porém, que foi contemplado para duas provas que ocorrerão na mesma hora. ;Tem um jogo no Maracanã e outro na Barra, no mesmo horário. Acho que isso é um erro de sorteio;, pondera.

O COL lembra que não é possível cancelar o pedido parcialmente. O torcedor deve efetuar o pagamento para todos os ingressos que conseguiu ou cancelar a compra integralmente. As informações detalhadas sobre as sessões estão disponíveis na conta de cada torcedor no site www.rio2016.com/ingressos.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação