>> Erramos

>> Erramos

postado em 30/06/2015 00:00
Diferentemente do publicado na reportagem ;Cerco aos jihadistas; (28/6, pág. 16), o nome do autor dos atentados da última sexta-feira em Sousse, na Tunísia, é Seifeddine Rezgui, e não Rafik Chelly, que é o secretário de Estado de Segurança da República da Tunísia.

;Clientes do garçom mais querido da cidade foram ao Beirute agradecê-lo pelos serviços prestados;, escrevemos na capa da edição de ontem. Viu? Pisamos a regência. A gente agradece a alguém. O pronome que funciona como objeto indireto é lhe. Melhor: Clientes do garçom mais querido da cidade foram ao Beirute agradecer-lhe pelos serviços prestados. (Dad Squarisi)

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação