Roteiro

Roteiro

postado em 01/08/2015 00:00
 (foto: Beatriz Perini/Divulgação )
(foto: Beatriz Perini/Divulgação )

Qual é o melhor filme francês em cartaz?

Que mal eu fiz a Deus?

; (Qu;est-ce qu;on a fait au Bon Dieu?, França, 2014, comédia, 97min; não recomendado para menores de 12 anos). De Philippe de Chauveron. Com Christian Clavier, Chantal Lauby e Ary Abittan.

Adeus à linguagem

; (Adieu à langage, França, 2014, drama, 70min; não recomendado para menores de 16 anos). De Jean-Luc Godard. Com Hélo;se Godet, Kamel Abdelli e Richard Chevallier.

Beijei uma garota
; (Toute premi;re fois, 2014, França, comédia, 90min; não recomendado para menores de 14 anos). De Noémie Saglio e Maxime Govare. Com Pio Marmai, Lannick Gautry e Adrianna Gradziel.

; Vote no site www.correiobraziliense.com.br. Você também pode enviar comentários sobre a programação para o e-mail cultura.df@dabr.com.br. Os melhores serão publicados nesta seção.

Rock no Clube do Choro
O trabalho da Carne Doce, banda da nova geração do rock de Goiânia, é elogiado pelas vozes dos seus integrantes, pelos arranjos e pelos temas dicotômicos que se cruzam com naturalidade. Vocais ora suaves, ora rasgados, adornados por guitarras e sustentados por ritmos brasileiros são outras virtudes destacadas nos shows do grupo, que ocupa o palco do Espaço Cultural do Choro (Eixo Monumental) hoje, às 21h. Aos poucos, depois de apresentação no Teatro da Caixa, o casal formado por Salma, Macloys, acompanhado por João Victor Santana, Ricardo Machado e Aderson Maia, vem conquistando fãs em Brasília, com um repertório de músicas autorais. Os ingressos custam R$ 20 e R$ 10 (meia para estudantes). Não recomendado para menores de 14 anos. Informações: 3224-0599. (Irlam Rocha Lima).



Cinema

Pré-estreias

Que mal eu fiz a Deus?

(Qu;est-ce qu;on a fait au Bon Dieu?, França, 2014, comédia, 97min; não recomendado para menores de 12 anos). De Philippe de Chauveron. Com Christian Clavier, Chantal Lauby e Ary Abittan. O casal Verneuils tem quatro filhas. Católicos, conservadores e um pouco preconceituosos, eles não ficaram muito felizes quando três de suas filhas se casaram com homens de diferentes nacionalidades e religiões. Quando a quarta anuncia o seu casamento com um católico, o casal fica nas nuvens e toda a família vai se reunir. Mas logo eles vão descobrir que nem tudo é do jeito que eles querem. Cine Cultura Liberty Mall 2, às 14h30.

Vilanova artigas:
o arquiteto e a luz

(Brasil, 2015, documentário, 93min; classificação indicativa livre). De Laura Artigas e Pedro Gorski. O documentário remonta a trajetória do icônico arquiteto brasileiro João Batista Vilanova Artigas. Por meio das lembranças de familiares, amigos, alunos, imagens de arquivo e visitas a seis de suas principais obras, a história de vida de Artigas é contada. Espaço Itaú CasaPark 7, às 21h30.


Estreias

Adeus à linguagem

(Adieu à langage, França, 2014, drama, 70min; não recomendado para menores de 16 anos). De Jean-Luc Godard. Com Hélo;se Godet, Kamel Abdelli e Richard Chevallier. Um homem e uma mulher dividem a intimidade em uma casa, onde mora também um cachorro. Ela é casada, mas não há qualquer informação sobre sua vida fora daquele local. Os dois conversam sobre a questão da linguagem sob o ponto de vista filosófico, enquanto que o cão a tudo observa. Com um amontoado de colagens reflexivas, Godard instiga pelos grandes enunciados de um cinema experimental. HHHH(RD) Cinemark Pier 13 (3D), às 19h30 e 22h.

Beijei uma garota
(Toute premi;re fois, 2014, França, comédia, 90min; não recomendado para menores de 14 anos). De Noémie Saglio e Maxime Govare. Com Pio Marmai, Lannick Gautry e Adrianna Gradziel. Homossexual convicto, Jérémie (Pio Marma;) um dia acorda ao lado de uma bela e sedutora jovem sueca (Adrianna Gradziel), que conheceu em uma noite de bebedeira. A situação o coloca em pânico, já que está prestes a oficializar o casamento com Antoine (Lannick Gautry), seu companheiro há 10 anos. Tentando entender a súbita atração que sente, Jérémie volta a procurá-la e vê a situação se complicar cada vez mais. Descompromissada e leve, a comédia alivia o peso das questões sexuais do protagonista. HHH (RD) Cine Cultura Liberty Mall 1, às 18h e 21h30. Espaço Itaú CasaPark 8, às 13h20, 16h10 e 19h50.

O gorila
(Brasil, 2011, suspense, 94min; não recomendado para menores de 14 anos). De José Eduardo Belmonte. Com Otávio Müller, Mariana Ximenes e Alessandra Negrini. Afrânio é um sujeito reservado e angustiado por memórias de sua infância. Ele costumava trabalhar como dublador, mas já não se sente capaz de exercer a função. Para amenizar a solidão e se entreter, ele encontra um passatempo: ligar para pessoas desconhecidas, geralmente mulheres, e se apresentar como ;Gorila;. Seu alter-ego usa da bela voz para conhecer a história dessas pessoas e, aos poucos, desenvolve laços com elas. Entretanto, na noite de Natal, Afrânio recebe um trote. Do outro lado da linha está uma pessoa misteriosa que fará com que enfrente o mundo exterior para tentar salvar uma vida. Um quê de Frank Capra e seleta trilha sonora embalam o malicioso filme de Belmonte. HHH (RD) Espaço Itaú CasaPark 5, às 15h30, 19h30 e 21h30.

Jogada de mestre
(Kidnapping Mr. Heineken, Reino Unido/Bélgica/Holanda, 2015, drama, 95min; não recomendado para menores de 12 anos). De Daniel Alfredson. Com Anthony Hopkins, Sam Worthington e Jim Sturgess. Amsterdã, 1982. Cor, Willem, Cat, Spikes e Brakes são amigos que tentam, de alguma forma, se dar bem na vida. Após fracassarem na tentativa de obter um empréstimo bancário, eles elaboram um plano para sequestrar o milionário Freddy Heineken e receber um resgate de US$ 35 milhões. Para tanto, o grupo realiza um assalto, de forma a ter a quantia necessária para organizar o cativeiro e todos os detalhes do golpe. Entretanto, após a realização do sequestro, a inevitável tensão decorrente da investigação da polícia faz com que a amizade do grupo, e o próprio golpe, fique por um fio. Cinemark Iguatemi 5, às 17h, 19h30 e 21h50. Cinemark Pier 6, às 13h10, 15h40, 18h10, 20h40 e 23h40. Espaço Itaú CasaPark 4, às 18h, 19h50 e 21h40.

Magic Mike XXL
(EUA, 2015, drama, 115min; não recomendado para menores de 16 anos). De Gregory Jacobs. Com Channing Tatum, Matt Bomer e Joe Manganiello. Após um tempo fora de cena, Mike (Channing Tatum), se reúne novamente com antigos colegas, como Richie (Joe Manganiello) e Ken (Matt Bomer), em uma ;road trip;. O destino é Myrtle Beach, em Miami, onde o grupo pretende fazer uma última grande turnê de despedida. O entrosamento genuíno entre os atores faz co

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação