Decoração de folhear

Decoração de folhear

Quem ama os livros quer tê-los em todos os lugares. Arquitetos e decoradores apoiam essa paixão, desde que o excesso não pareça bagunça

Por Renata Rusky
postado em 13/09/2015 00:00
 (foto: Haruo Mikami/Divulgação
)
(foto: Haruo Mikami/Divulgação )


Quem gosta de livros pode ser resistente a trocá-los por versões digitais, que não ocupam espaço algum. Para quem os tem em excesso, portanto, organização é sempre um desafio. Montar uma biblioteca nem sempre é uma opção. De acordo com decoradores e arquitetos, também não é necessário. Os livros podem tomar parte na decoração de qualquer ambiente. Algumas capas de livros têm um design tão cuidadoso que são verdadeiras obras de arte, portanto, vale a pena deixá-las à vista. De acordo com a decoradora Ana Viana, do estúdio Buji, focado em reuso, os livros com capas mais duras ou coloridas são mais fáceis de serem usados. Ela ressalta: ;Desde que faça algum sentido para quem mora ali;.

A eleição de que cômodo abrigará os livros também é muito pessoal. A escolha pode ser funcional, afinal, tem quem goste de ler no banheiro e goste de espalhar livros de culinária na cozinha. No caso de quartos de bebês e crianças, une-se a funcionalidade à decoração: são mais do que bem-vindos, pois estimulam o hábito da leitura e ainda dão cor ao ambiente.

Todavia, sala e quarto são as opções mais óbvias. ;Em prateleiras e em estantes, vale brincar, fazendo blocos de cores ; o que nem sempre é possível, caso a pessoa precise que os livros estejam numa ordem específica. Ou brincar com a disposição, misturando os livros com objetos de decoração, como estátuas e castiçais;, sugere Bárbara Ávila, do estúdio Buji.

Disposições mais ousadas podem ser tentadas. Livros podem servir de base para vidros de mesa de centro. Nesse caso, não se pensa tanto em funcionalidade, já que eles ficarão inacessíveis para serem folheados. Em um de seus projetos, os arquitetos Hélio Albuquerque e Sônia Peres fizeram uma pilha de livros bem alta, de quase 2m ; não recomendado para quem tem crianças em casa. A ideia pode parecer improvisada demais, mas, com o resto da decoração bem pensada e organizada, fica bem estiloso.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação