Feriadão

Feriadão

De hoje a segunda-feira, são esperados 800 mil visitantes nos cemitérios do DF. O horário de visitação será ampliado e missas campais, realizadas. Confira as mudanças no trânsito e o que abre e o que fecha durante o feriadão

» NATHÁLIA CARDIM » BERNARDO BITTAR
postado em 31/10/2015 00:00
 (foto: Carlos Moura/CB/D.A Press)
(foto: Carlos Moura/CB/D.A Press)




Mais de 800 mil pessoas devem visitar os seis cemitérios do Distrito Federal, entre hoje e segunda-feira, Dia de Finados. Ontem, mesmo com chuva, muitos anteciparam as homenagens aos mortos. Para atender melhor os visitantes, a empresa Campo da Esperança organizou a Operação Finados 2015, com aumento do número de funcionários e organização dos acessos.

Os cemitérios Campo da Esperança (na Asa Sul), Taguatinga Norte, Sobradinho, Planaltina, Gama e Brazlândia abrirão uma hora mais cedo, às 7h, e a entrada será permitida até as 19h. O atendimento ao público também será estendido, das 7h30 às 18h. Velórios e sepultamentos ocorrerão normalmente. Também haverá missas campais, celebradas pela Arquidiocese de Brasília, das 7h às 17h.

O acesso de veículos aos cemitérios de Planaltina e Brazlândia será proibido. Nas demais unidades, a entrada de carros ficará restrita a quem tiver autorização de vaga especial ou de pessoa com deficiência emitida pelo Departamento de Trânsito (Detran) ; essa autorização é a mesma utilizada em estacionamentos públicos e privados durante todo o ano. Nos cemitérios da Asa Sul, de Taguatinga, do Gama e de Sobradinho, o público terá transporte coletivo gratuito no local.

De acordo com a Campo da Esperança, não será permitida a presença de vendedores ambulantes no interior dos cemitérios. Nas áreas externas, a responsabilidade pela segurança, pelo trânsito e pela fiscalização será das administrações regionais, da Agência de Fiscalização (Agefis), do Departamento de Trânsito (Detran) e da Polícia Militar. Os clientes que precisarem de água para limpeza das sepulturas devem solicitar diretamente à administração do cemitério. Caminhões-pipa ficarão estacionados em lugares estratégicos para auxiliar na distribuição de água.

Dificuldade

A jornalista Rita de Cássia Arruda, 53 anos, que não tem a autorização para entrar com o carro no cemitério, reclamou da ;falta de sensibilidade; com que a empresa trata os idosos. ;Minha mãe tem 92 anos. Todos os anos, visita os pais dela e a neta falecida. Sempre entramos de carro, pois ela é uma senhora e tem dificuldade de locomoção, o que é natural pela idade;, comentou. Após visitar a administração do Campo da Esperança da Asa Sul, na manhã de ontem, ela soube que apenas o Detran poderia autorizar a entrada. ;Apenas se você comprovar que o idoso é proprietário do carro ou habilitado;, completou.

O diretor de fiscalização do Detran-DF, Silvain Fonseca, informou tratar-se de um engano. A permissão também é concedida, de acordo com ele, aos motoristas que comprovem o transporte de idosos. ;Se Rita tiver um carro e a mãe dela usufruir dele, ela terá direito à autorização. Mas pode ser que ela não consiga o documento agora, visto que estamos às vésperas de um feriado;, disse.

Trânsito

A Polícia Militar atuará no controle do tráfego nas proximidades dos cemitérios da Asa Sul, de Taguatinga e do Gama. As equipes cuidarão, principalmente, da travessia de pedestres e da fiscalização de estacionamento irregular. No Plano Piloto, 56 policiais do Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran), 23 do 1; BPM, 11 veículos da corporação e 12 motocicletas darão apoio à fluidez do trânsito. Serão feitas intervenções nas rotatórias da W5 Sul, a partir das 5h de amanhã e na segunda-feira. A entrada dos veículos credenciados ocorrerá pelo portão próximo à Legião da Boa Vontade (LBV) e a saída, pelo portão principal do cemitério.

Não será permitido o estacionamento de veículos ao longo da Via W5 Sul e em toda a área sinalizada pela PM. Também não será permitido o estacionamento sobre o gramado ou sobre as marcas de canalização das vias. Os condutores que insistirem em permanecerem irregulares serão autuados e terão os veículos removidos ao depósito.

Em Taguatinga, o acesso ao estacionamento ocorrerá em sentido único para facilitar a fluidez. A corporação vai atuar no local com efetivo de 24 militares e 8 motociclistas. No Campo Santo do Gama, 54 policiais trabalharão com o apoio de cinco viaturas e uma base comunitária móvel. A PM informa ainda que haverá interdição parcial da Avenida Contorno, na DF-475.

Durante todo o feriado, funcionários da Secretaria de Justiça e Cidadania, com a Coordenação de Assuntos Funerários (CAF), vão trabalhar no atendimento ao cidadão, recebendo denúncias, tirando dúvidas sobre a localização dos túmulos e fiscalizando irregularidades.


O que abre e o que fecha

Ônibus
No feriado, rodará com 40% da frota.

Metrô

Funcionará no mesmo horário de domingo, das 7h às 19h.

Procon

Não haverá atendimento nos postos.

Na Hora

Os postos também não funcionarão.

Feira da Torre

De hoje a segunda, o mezanino funcionará das 9h às 20h e o mirante, das 9h às 19h; a feira, das 9h às 18h; e a fonte luminosa, das 10h30 às 13h10 e das 14h30 às 17h30, a cada 40 minutos.

Feira do Guará
Funcionará das 8h às 18h.

Feira dos Importados

Ficará aberta das 6h às 12h.

Feira Central da Ceilândia
Não funcionará no feriado.

Shoppings
As lojas dos shoppings abrem, na segunda, das 14h às 20h. As praças de alimentação e de lazer do Alameda Shopping abrem das 14h às 22h; do Shopping Iguatemi, das 11h às 22h; do Pátio Brasil e do Conjunto Nacional, das 12h às 20h; do Brasília Shopping, do ParkShopping, do Pier 21 e do Terraço Shopping, das 12h às 22h.

Supermercados
Funcionam normalmente.

Zoológico
Abre normalmente, das 9h às 17h. Entrada: R$ 10.

Água Mineral

O Parque não abrirá na segunda-feira.

Jardim Botânico

Abre das 9h às 17h. Entrada: R$ 2. Para crianças de até 10 anos e adultos a partir dos 60, a entrada é gratuita.

Bancos

Não funcionarão.

CEB e Caesb
Haverá equipes de plantão. O atendimento 24 horas de emergências será realizado pelos telefones 116 e 115, respectivamente.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação