Torcedor do Santos morre após sofrer agressão a pauladas

Torcedor do Santos morre após sofrer agressão a pauladas

postado em 13/11/2015 00:00
 (foto: GloboNews/Reprodução)
(foto: GloboNews/Reprodução)


O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de São Paulo começou a investigar a morte de Gerson Ferreira de Lima, torcedor do Santos que, ao lado de um amigo, foi espancado por pelo menos três pessoas no último domingo em um posto de combustível na esquina das avenidas São Miguel e Boturussu, na zona leste. A principal suspeita da Polícia Civil é de que ocorreu ;crime de intolerância esportiva;. Tudo foi filmado pelas câmaras de segurança do local.

Gerson, que era taxista, e seu amigo, Alisson Deivis Moreira, foram atacados por pelo menos três homens, um deles armado com um pedaço de madeira ; a polícia suspeita que seja um cabo de enxada ou um taco de beisebol. Investigações preliminares apontam que não houve confronto, apenas as agressões contra os santistas.

Alisson, que estava com a camisa do Santos, contou aos investigadores que ele e o colega estavam em um táxi e foram comprar cerveja na loja de conveniência do posto quando foram abordados. Um primeiro agressor usava um soco inglês e não aparece no vídeo. Outros dois continuam a agressão e um deles veste uma camisa verde, o que levou a polícia a suspeitar de envolvimento de torcedores do Palmeiras no crime. Os policiais ainda buscam uma possível terceira vítima, que teria sido atacada após as primeiras agressões.

Vingança

A Polícia Civil suspeita que a agressão possa ter sido uma retaliação à morte de Cláudio Fernando Mendes Cardoso de Moraes, integrante da Mancha Verde, espancado por integrantes da Torcida Jovem do Santos nas proximidades da estação Jardim Romano, linha 12 da CPTM, na zona leste de São Paulo, em abril. Conhecido como Dudu, ele e sua namorada foram cercados logo após saírem da estação - a garota conseguiu fugir dos agressores.

Em outubro de 2014, antes do confronto entre as duas equipes no estádio do Pacaembu, cerca de 100 palmeirenses se armaram com rojões, pedaços de pau e barras de ferro para fazer uma emboscada contra santistas na Via Anchieta. O torcedor palmeirense Leonardo da Mata, 21 anos, morreu ao ser atropelado na pista.

O clima de tensão preocupa a polícia porque Palmeiras e Santos vão decidir a Copa do Brasil. O primeiro jogo, no próximo dia 25, será na Vila Belmiro e a decisão do torneio em 2 de dezembro no Allianz Parque, em São Paulo.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação