Handebol sob teto furado

Handebol sob teto furado

Rodada do Torneio Quatro Nações, preparatório para o Mundial, é cancelada por goteiras no Nilson Nelson. Capitã da Seleção Brasileira se desculpa, e secretária Leila Barros culpa a chuva por vexame

Maíra Nunes
postado em 28/11/2015 00:00
 (foto: Breno Fortes/CB/D.A Press)
(foto: Breno Fortes/CB/D.A Press)



Desta vez, a lambança ocorreu em âmbito internacional. A chuva forte de ontem à tarde evidenciou problemas no Ginásio Nilson Nelson, que estavam escondidos pela seca. Goteiras formaram poças na quadra e impediram a disputa da rodada de abertura do Torneio Quatro Nações de handebol. O vexame foi diante da equipe feminina do Brasil, atual campeão mundial; da Sérvia, vice; da Argentina, segunda colocada no Pan de Toronto; e da Eslovênia. As seleções escolheram Brasília para fazer os últimos jogos preparatórios ao Campeonato Mundial, de 5 a 20 de dezembro, na Dinamarca.

A partida de abertura do torneio amistoso, entre Brasil e Eslovênia, estava marcada para as 19h15. As atletas chegaram a entrar em quadra, saudaram o público e, quando começaram a se aquecer, perceberam que o local estava úmido. ;O piso não ofereceu a estabilidade que estamos acostumadas. Sabemos que uma lesão agora tiraria qualquer jogadora do Mundial. É melhor não arriscar;, explicou a capitã, Dara. Coube a ela, por sinal, anunciar, pelo microfone, o cancelamento do duelo aos presentes na arena. Antes disso, os técnicos das duas equipes haviam entrado em acordo sobre a decisão.

;Nós fechamos as goteiras que existiam no ginásio, isso não foi problema. O problema foi que teve uma chuva muito forte aqui, acumulou água nas calhas e elas se deslocaram;, disse a secretária adjunta de Esporte e Lazer do DF, Leila Barros. A explicação não convenceu Seu Severino Bispo Rodrigues, 60 anos, que viajou do Maranhão para assistir à filha Ana Paula atuar com a camisa da Seleção Brasileira. ;Trouxe a comitiva para cá e uma chuvinha cancelou o jogo. Isso reflete falta de organização e de respeito com a gente;, reclamou.

Outros que ;perderam a viagem; foram os pais da melhor jogadora do mundo, Eduarda Amorim, mais conhecida como Duda. Antônio e Olívia Amorim vieram de Blumenau (SC) e não puderam ver a filha exibir o talento para os fãs em Brasília. Eles, ao menos, fizeram inveja em quem marcou presença no ginásio ao saírem do local abraçados com a jogadora. ;Ela vive na Europa, é a chance que temos de matar as saudades;, comentou a mãe.

Atenciosas, as atletas não economizaram autógrafos e fotos ao lado dos torcedores, na beira da grade. ;É o mínimo que a gente pode fazer. Sabemos que a situação é muito chata, que frustra a expectativa de todo mundo que veio, ainda mais por ser a primeira vez que estamos aqui;, comentou a goleira Bárbara Arenhart, eleita melhor na função no Mundial de 2013. ;Claro, a gente queria jogar, estamos precisando de ritmo, não deu, mas amanhã (hoje), espero que a quadra esteja melhor, que não chova;, emendou.

Os jogos de hoje e amanhã estão confirmados. ;Amanhã (hoje), vamos mexer nessas calhas para cair toda a água e está sanado o problema;, avisou Leila Barros. Mas, pelo jeito, a situação pode mudar em caso de chuva forte. ;O problema agora é ficar monitorando isso: choveu, a gente vai ter de tentar sanar essa situação o mais rápido possível;, reconheceu a secretária.

A chuva forte, à tarde, formou quatro poças na quadra. ;Em outros países, acho que há um cuidado maior com a integridade das atletas. Aqui, falta uma atenção maior, até porque este ginásio recebe outras modalidades;, lamentou a central Fran, que atua na Áustria.

Devido aos percalços, a noite terminou com as argentinas sentadas nas cadeiras das arquibancadas, enquanto as sérvias brincavam de futebol ; e mostraram que também têm habilidade com a bola nos pés. Handebol, que é a especialidade delas, porém, ninguém viu no Nilson Nelson.

Programe-se

Hoje
13h50 Brasil x Argentina
15h50 Sérvia x Eslovênia

Amanhã
10h Argentina x Eslovênia
12h Brasil x Sérvia

Local: Ginásio Nilson Nelson

Ingressos: serão trocados por 1kg de alimento não perecível na bilheteria do ginásio, de acordo com disponibilidade. O bilhete dá direito aos dois jogos do dia. O limite de troca é de cinco bilhetes por pessoa para cada rodada.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação