Curtas

Curtas

postado em 02/12/2015 00:00

; POLÍCIA
Morre Don Juan do Lago Sul
Vigilantes do condomínio residencial Novo Horizonte, próximo ao Paranoá, encontraram Antônio Carlos Guimarães, 45 anos, conhecido como Don Juan do Lago Sul, amarrado em porta-malas de um carro estacionado. A vítima, identificada pela polícia como o suposto estelionatário que aplicava golpes financeiros em mulheres, tinha perfurações de arma de fogo e sinais de agressões pelo corpo. Os funcionários do local desconfiaram quando viram o vidro do veículo estilhaçado. De acordo com o Corpo de Bombeiros, eles pediram socorro a um morador do condomínio que é bombeiro. Ao chegar ao local, o militar ajudou a retirar a vítima do veículo e constatou que ela tinha um traumatismo craniano grave, além de hemorragia na perna esquerda. O sargento pediu socorro ao Grupamento de Bombeiros do Paranoá. A aeronave da corporação com um médico chegou a ser acionada, mas o homem não resistiu e morreu no local.


; TENTATIVA DE FUGA
Adolescente é baleado por agente
Um adolescente infrator de 17 anos foi baleado por um agente socioeducativo por volta das 11h30 desta terça-feira. Ele estava em uma escolta quando tentou fugir, segundo o Sindicato dos Servidores da Carreira Socioeducativa do Distrito Federal (Sindsse-DF). A ocorrência está sendo investigada pela 20; Delegacia de Polícia (Gama). O delegado da 20; DP, Francisco Antônio da Silva, disse que o menor estava sendo transferido para uma das unidades de internação durante procedimento administrativo. ;Ele tentou fugir. Quem o escoltava tentou impedir e acabou atingindo o rapaz com um disparo;, informou. O adolescente foi encaminhado ao Hospital Regional do Gama e não corria risco de vida.


; AGÊNCIA DO TRABALHADOR
Unidade vai atender deficientes

O Distrito Federal ganha a primeira Agência do Trabalhador exclusiva para o atendimento a pessoas com deficiência física. Essa será a terceira nesses moldes todo o país. A inauguração ocorre na manhã de hoje na Estação do Metrô da 112 Sul pela Secretaria de Trabalho, Desenvolvimento Social, Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos. No local, também funciona a Coordenação de Promoção de Direitos de Pessoas com Deficiência. Na nova unidade, serão oferecidos serviços como intermediação de mão de obra, emissão da Carteira de Trabalho, acesso ao seguro-desemprego, cursos de qualificação, informações sobre Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e inserção de dados no Cadastro Nacional de Trabalhadores com Deficiência.


; JUSTIÇA
Hotel condenado a indenizar casal em lua de mel
Um hotel do Distrito Federal foi condenado a pagar R$ 10 mil a um casal em lua de mel casado por má prestação de serviço. De acordo com informações do processo, os dois foram interrompidos por um funcionário no momento em que ;consumavam o casamento;, realizado em 20 de abril de 2013. Segundo o casal, o fato lhes causou ;profundo constrangimento;.A confusão começou após o hotel cancelar a reserva da suíte de núpcias. Os noivos foram realocados em um quarto comum, sem qualquer um dos serviços contratados. Os argumentos da defesa foram derrubados e a decisão foi unânime.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação