Bagunça até na geografia

Bagunça até na geografia

Marcos Paulo Lima
postado em 17/12/2015 00:00


Neste louco mundo do futebol, até a geografia sofre atentado dos cartolas. A eleição do Coronel Nunes, presidente da Federação Paraense de Futebol, como vice-presidente da CBF ; pela Região Sudeste ; é mais uma daquelas aulas que você não deve dar a seu filho sobre o mapa deste país.

O Pará não fica no Norte? Logo, o Coronel Nunes não deveria ser vice da CBF pelo Norte? Não, o vice de lá é o Fernando Sarney. Vá explicar um troço desse para um menino que está no ensino fundamental... Mas é isso mesmo. O Coronel Nunes é o novo vice da CBF pela Região Sudeste, com 44 votos no pleito de ontem, na sede da entidade. Na linha sucessória, o senhor de 77 anos passa a ser o mais velho, superando Delfim Peixoto, 74. Consequentemente, se Marco Polo Del Nero, que ontem depôs na CPI do Futebol, for banido pela Fifa, o Coronel Nunes, presidente da Federação Paraense, mas vice da CBF pela Região Sudeste, assume a CBF.

O caso do Coronel Nunes é apenas mais uma história bizarra. Afinal, o atual mandatário interino da CBF, Marcus Vicente, é um dos vices de Del Nero representando a Região Centro-Oeste. Ué, mas ele é do Espírito Santo, que, no mapa da CBF, faz parte do Centro-Oeste. Entendeu ou quer que eu desenhe? É melhor não...

Nenhuma surpresa. A CBF é uma cópia da Fifa. Afinal, como explicar para o seu filho que a atual campeã da Copa da Ásia é a Austrália, país localizado na... Oceania. Como dizer aos meninos e meninas que Israel fica na Ásia, mas o país participa na Europa das Eliminatórias para a Copa do Mundo. Os clubes de lá são filiados à Uefa e têm que disputar a Liga dos Campeões da Europa e a Liga Europa. Nesse caso, a manobra geográfica tem motivo: a inimizade com os países vizinhos no Oriente Médio. O resto é uma injustificável bagunça, mesmo...

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação