Avalanche nos Alpes mata três esquiadores

Avalanche nos Alpes mata três esquiadores

postado em 14/01/2016 00:00
 (foto: AFP)
(foto: AFP)



Uma excursão escolar aos Alpes franceses terminou ontem em tragédia. Um grupo de estudantes de Lyon foi surpreendido, no fim da tarde , por uma avalanche em uma pista fechada na estação de esqui de Deux Alpes, distante cerca de 50Km da fronteira com a Itália. Dois jovens e um turista ucraniano, que não integrava excursão escolar, morreram. Segundo informações das autoridades locais, três esquiadores ficaram gravemente feridos: dois deles também estudantes do Liceu Saint-Exupéry, resgatados por socorristas com parada cardiorrespiratória; e um dos três professores que os acompanhava, encontrado inconsciente com politraumatismo.

Em um primeiro momento, as informações indicavam que todo o grupo de 10 estudantes havia sido arrastado pela avalanche, que atingiu uma pista da estação de esqui no setor de Bellecombe. A área está interditada desde o início da temporada. ;À priori, nós resgatamos todos que participavam do passeio escolar, mas as buscas continuam para garantir que não haja outras vítimas de fora do grupo de estudantes;, declarou à agência France Presse o prefeito de Is;re, Jean-Paul Bonnetain, destacando que nenhum aluno foi reportado como desaparecido.

Mais de 100 pessoas foram mobilizadas nas buscas por sobreviventes, entre integrantes de forças de segurança, monitores e encarregados das estações, assim como dois cães treinados em resgate em avalanches. Dois helicópteros da defesa civil, um deles equipado com uma câmera térmica para localizar outras possíveis vítimas, foram enviadoso ao local.

Solidariedade
Em Paris, o presidente francês, François Hollande, falou sobre a tragédia e transmitiu suas ;sinceras condolências; às famílias das vítimas, afirmando que o país se solidarizava com eles. O primeiro-ministro, Manuel Valls, usou seu perfil em uma rede social para manifestar ;grande tristeza; com o ocorrido. O ministro da Educação viaja hoje para Lyon, onde acompanhará a chegada dos corpos dos estudantes mortos e recepcionará os sobreviventes.

A estação de Deux Alpes, na região de L;Oisans, localizada no centro-leste da França, eleva-se até 3,6 mil metros de altitude. Após as primeiras nevascas significativas da temporada, registradas nos primeiros dias do ano, as autoridades advertiram para o risco elevado de avalanches no local, que foi fechado. Nos últimos dias, segundo o jornal francês Le Monde, quatro pessoas morreram em razão de avalanches: dois alpinistas lituanos, em Haute-Savoie, além de um esquiador espanhol e um checo, em Savoie.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação