Pouco foco na educação

Pouco foco na educação

postado em 01/02/2016 00:00
;Em geral, a partir dos 10 meses, uma das habilidades mais importantes a serem ensinadas é a fala. No entanto, essa é a parte que os jogos digitais mais carecem de sustentação científica e de recursos. Aos 5 anos, ou mesmo próximo dessa idade, os jogos digitais poderiam ser utilizados para ensinar habilidades relacionadas à vida acadêmica da criança ; formação de conceitos, fala, leitura com compreensão e até mesmo escrita, aplicadas tanto à linguagem natural como à matemática e ciência. A parte de estimulação visual, que contribui para o aumento do tempo de engajamento na tarefa, e não necessariamente para a aprendizagem de alguma habilidade de fato importante para a criança, é a que mais recebe atenção dos desenvolvedores: cores, ruídos, movimentação. Da mesma forma que os produtos não especificam claramente os benefícios para o usuário e não possuem descrição do seu funcionamento, os pais e o mercado não se organizaram com relação a como receber esses jogos. Simplesmente aceitá-los para que os filhos possam ;dar uma trégua; não é admissível sob o ponto de vista da criança, embora seja perfeitamente compreensível o porquê de os pais fazerem isso.;

Celso Goyos, professor-associado do Departamento de Psicologia da Universidade Federal de São Carlos e coordenador do Laboratório de Aprendizagem Humana, Multimídia Interativa e Ensino Informatizado

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação