Claudia Raia em versão brasiliense

Claudia Raia em versão brasiliense

» DIEGO PONCE DE LEON
postado em 01/02/2016 00:00
 (foto: Gabi Cerqueira/Divulgação)
(foto: Gabi Cerqueira/Divulgação)


Da mesma maneira que Claudia Raia, a brasiliense Helen Dieb canta, dança e atua. As afinidades também podem ser vistas no porte físico. Não à toa, a artista da capital foi escolhida para representar a própria Claudia Raia no desfile da escola de samba paulista Nenê de Vila Matilde, que homenageia a estrela neste carnaval.

Helen foi uma das cinco selecionadas entre as 122 candidatas que enviaram material para disputar as vagas. ;Estava em férias e só me inscrevi no último dia. Quando soube que havia sido escolhida para a final, estava em Pernambuco com meu filho e minha mãe;, conta. Pouco tempo depois, Helen desembarcava em São Paulo.

Com o auxílio do marido Jarbas Homem de Mello, da filha Sophia Raia, do diretor teatral José Possi Neto e do coreógrafo Nilldo Jaffer, Claudia Raia elegeu aquelas que a interpretariam na avenida. Helen está entre elas: ;Claudia foi um amor. Muito simpática e acolhedora. Ainda estou digerindo todo esse processo;.

As comparações com a atriz paulista começaram cedo. ;Toda minha vida escutei esse lance de ser parecida com ela. Temos altura similares, a impostação vocal, as pernas longas. Fora o fato de eu ter enveredado pelo mesmo caminho. Mas nunca imaginei que iria personificá-la;, brinca Helen.

Embora não seja uma fã incondicional, daquelas com cartazes pela casa, Helen sempre admirou o trabalho de Claudia. ;Ela é muito dedicada aos personagens, além de ter domínio sobre a dança, o canto e a atuação;. Nos próximos dias, a representante do DF começa a preparação para encarar o desfile da Nenê de Vila Matilde: ;Acima de tudo, quero me divertir. Muito feliz de poder unir meu ofício a um momento de tamanha alegria;.


A homenageada
Em 2016, Claudia Raia completa 50 anos de idade. A data comemorativa motivou a agremiação paulista Nenê de Vila Matilde a fazer da atriz o enredo deste ano. Com mais de três décadas de carreira, Claudia se firmou como uma das mais completas artistas brasileiras, por conta das habilidades como atriz, cantora e bailarina. Nas telas, deixou trabalhos marcantes, como Donatela de A favorita e a personagem-título de Engraçadinha.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação