Que rei serei eu?

Que rei serei eu?

Principal contratação do Atlético-MG para chegar ao bi, Robinho estreia hoje, contra o Independiente del Valle, em busca do prestígio perdido. Atacante é homenageado com samba por torcedores

Roger Dias
postado em 24/02/2016 00:00
 (foto: Juarez Rodrigues/EM )
(foto: Juarez Rodrigues/EM )


Belo Horizonte ; Casa cheia, time embalado e a estreia de Robinho. A noite promete ser especial para a torcida do Atlético-MG e o candidato a novo ídolo alvinegro. Com a expectativa de mais de 22 mil torcedores no caldeirão do Independência para a partida contra o Independiente del Valle, o Rei das Pedaladas assume a função que há três anos era de Ronaldinho Gaúcho: mexer com os atleticanos, melhorar a qualidade do time e aumentar a visibilidade do clube. Mas será uma via de mão dupla, já que o camisa 7 tenta, no Galo, recuperar o prestígio no futebol.

O atacante mal chegou e já tem música própria composta pela torcida, que será cantada quando ele aparecer no gramado do Horto: ;O Rei da Pedalada chegou, Robinho no Galo é show;. A última partida dele no Horto, com a camisa do Santos, foi em setembro de 2014, pelo Campeonato Brasileiro, e o jogador viu de perto a pressão do público: a equipe paulista acabou derrotada por 3 x 2.

A chegada de Robinho ao Atlético teve final feliz depois de seis anos de namoro. Em pelo menos três oportunidades, o clube tentou contratá-lo. O primeiro a indicá-lo foi Vanderlei Luxemburgo, com quem o atacante se tornou campeão brasileiro em 2004. Depois, o então presidente, Alexandre Kalil, tentou sem sucesso acordo financeiro com os empresários do jogador. Nem por isso a diretoria desistiu do sonho ; que Robinho revelou ser também dele, em um vídeo gravado em 2006 no qual ele ;previa; a ida para o alvinegro.

O atacante, de 32 anos, chegou à capital há pouco mais de 10 dias. Ele mora provisoriamente em um hotel na Região Centro-Sul (onde o técnico Diego Aguirre também está hospedado), mas em breve deve se mudar, até para receber o restante da família em definitivo. Robinho já teria procurado se informar sobre casas, e uma das opções seria no condomínio em Lagoa Santa, onde Ronaldinho Gaúcho morou entre 2012 e 2014.

Na capital mineira, o Rei das Pedaladas tem passado a maior parte do tempo na companhia dos filhos, Robson Júnior, de 7 anos, e Gianluca, 4. Frequenta shoppings, restaurantes e lojas. Ele esteve, ainda, no lançamento do uniforme alvinegro há nove dia. No domingo, foi ao Independência ; acompanhou de um camarote a goleada sobre o Boa por 5 x 1, pelo Campeonato Mineiro.

Como Ronaldinho, o ex-santista chega ao Atlético com metas bem definidas pela diretoria: a primeira, e mais importante, levar o Galo ao bi da Libertadores. O jogador tem um vice-campeonato pelo Santos em 2003, quando perdeu a final para o Boca Juniors, no Morumbi. Campanhas de destaque na Copa do Brasil e no Brasileiro também significarão aumento de receita para o atacante. Além disso, há premiações específicas para gols, assistências e artilharia.

Boas-vindas

Na Cidade do Galo, Robinho já se sente em casa ; ele tinha mantido contato apenas com o goleiro Victor e o coordenador técnico Carlinhos Neves, ambos na Seleção Brasileira, além do atacante Thiago Ribeiro, ex-colega de Santos. O craque conversa com Aguirre antes e depois das atividades. O uruguaio só o conhecia pela televisão e procurou estudar muito o setor onde o atleta vai jogar nesta noite.

Para Victor, Robinho não sentirá a pressão de ser a estrela do Galo na Libertadores: ;O Robinho está integrado ao grupo e se sente à vontade. Ele vai fazer muito pelos demais, e nós faremos por ele. Isso não vai gerar ansiedade exagerada, servirá de motivação, e ele vai corresponder à expectativa do torcedor;, crava.

Da China, um velho conhecido da torcida alvinegra usou as redes sociais para enviar vídeo de boa sorte ao atacante: ;Fala, Rei das Pedaladas. Estou aqui para te desejar toda a felicidade do mundo neste clube maravilhoso que eu tive oportunidade de jogar e ser campeão. Você tem experiência e qualidade para isso;.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação