Casamento na berlinda

Casamento na berlinda

postado em 20/05/2016 00:00
 (foto: Reprodução/Internet)
(foto: Reprodução/Internet)




Há quem prefira ir ao teatro para relaxar e deixar o peso do cotidiano de lado. Os adeptos podem conferir a montagem de Casamento instável sujeito a chuvas e trovoadas, que ocupa o reinaugurado palco do Teatro Oficina Perdiz.

A encenação conta com texto de Marcos Pacheco e direção do ator e diretor Gê Martu, figura querida no teatro brasiliense, além dos protagonistas Adilson Mottor e Márcia Marmori, que dão vida a um divertido casal.

;Casamento é assim: hoje um manda, amanhã manda também. E assim a vida passa; um dia vai e outro vem. Um dia você é vítima, amanhã é refém;, brincou e rimou Pacheco, na divulgação do espetáculo.

Depois de uma recente temporada no Espaço Cultural Semente, no Gama, a peça aparece no Perdiz, que, depois de seis anos, foi reaberto no ano passado. Ótima oportunidade para conferir o trabalho de um dos nossos mais ativos artistas, Gê Martu, justamente em um palco fundamental no teatro do DF.

SERVIÇO
Casamento instável sujeito a chuvas e trovoadas
De Marcos Pacheco. Direção de Gê Martu. Com Adilson Mottor e Márcia Marmori. Hoje e amanhã, às 21h, domingo, às 20h. Ingressos a R$ 30 e R$ 15 (meia). Não recomendado para menores de 12 anos.

A vida de uma santa
Isabella de Andrade
Especial para o Correio

a autobiografia de Teresa d;Ávila, poetisa espanhola conhecida como Santa Teresa de Jesus, é o mote para o drama A língua em pedaços. A trama, de forma ficcional, enfoca o embate entre a monja carmelita, que realmente enfrentou autoridades eclesiais de seu tempo, e um inquisidor, arauto da poderosa Igreja Católica no fim da Idade Média. Com direção de Elias Andreato e interpretado pelos atores Ana Cecília Costa e Joca Andreazza, o texto retoma questões como o emponderamento feminino e dialoga com temas atuais, extrapolando a questão religiosa.

A atriz Ana Cecília Costa conta que o espetáculo ficou em cartaz por um ano quando a chegou à periferia de São Paulo. ;Eu acho incrível a gente retomar a temporada justamente por Brasília. Tem muitas questões importantes a serem trabalhadas. Quem conhece a figura de Santa Teresa de Jesus sai apaixonado pelo espetáculo e quem não a conhece sai muito curioso e instigado a saber mais sobre a obra dela;, afirma a artista.

O inquisidor de Teresa questiona a inteligência dela ao longo do espetáculo, e Ana Cecília destaca o importante trecho do texto: ;O pouco que nós, mulheres, fazemos é julgado sempre como excesso;.
SERVIÇO
A língua em pedaços
Centro Cultural Banco do Brasil (SCES Tr. 2 lt. 22). Hoje e amanhã, às 20h, e domingo, às 18h. Ingressos a R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia). Não recomendado para menores de 12 anos.

ROTEIRO
Plano Piloto
A língua em pedaços
Centro Cultural Banco do Brasil Brasília (CCBB)
Hoje e amanhã às 20h e domingo às 18h. A peça, baseada em O livro da Vida, autobiografia de Teresa Ávila, mostra um fictício embate entre a carmelita e o Inquisidor que a acusa de subversão e heresia.Entrada: R$ 20 e R$ 10 (meia)

Casamento instável sujeito a chuvas e trovoadas
Teatro oficina Perdiz (710 norte bl. E loja 48)
Hoje e amanhã ás 21h e domingo às 20h. Baseado no texto de Marcos Pacheco. Entrada: R$ 20 e R$ 15.
Não recomendado para menores de 12 anos.

De perto ela não é normal
Teatro Unip (913 sul)
Amanhã, às 19h30; domingo, às 19h. Espetáculo com a atriz Suzana Pires que dá vida à personagem Suzi. Entrada: R$ 100 e R$ 50 (meia), setor premium; R$ 80 e R$ 40 (meia), setor especial. Não recomendado para menores de 14 anos.

Ladrão de Mim
Biblioteca Pública de São Sebastião
Hoje, às 20h. Lucianna Mauren reestreia o ;Ladrão de Mim;, desta vez em um espaço teatral não convencional que busca aproximar cena e público de forma sensível, nas suas variadas atmosferas sensoriais. Entrada gratuita. Não recomendado para menores de 16 anos.

Mr. Margareth
Teatro da Caixa Cultural Brasília (SBS Q. 4 lts. 3/4)
Hoje e amanhã às 20h e domingo às 19h. Cisne Negro Cia. de Dança, uma das mais importantes companhias de dança contemporânea do Brasil, que apresentará três coreografias: O boi no telhado, Sabiá e Sra. argareth.Entrada: R$ 20 e R$ 10 (meia). Não recomendado para menores de 12 anos.

Não é Grande Coisa
Teatro Brasília Shopping(S/N, Q. 05 bl A, Asa Norte)
Amanhã às 20h e domingo às 19h. O show traz um misto de fatos do cotidiano, interação com o público e música num ritmo acelerado e cativante. Entrada: R$ 30 e R$ 15 (meia). Não recomendado0 para menores de 14 anos.

Personas
Centro Cultural Banco do Brasil (SCES, Tc. 2, cj. 22; 3108-7600)
Hoje e amanhã, às 21h; domingo, às 20h. O espetáculo apresenta uma intrigante teia de relacionamentos e conflitos entre seis personagens, todos em busca de expressão sexual, na expectativa de vivenciar seus desejos. Entrada: R$ 20 e R$ 10 (meia). Não recomendado para menores de 14 anos. Informações: 3108-7600.
Tudo sobre nossa vida sexual
Teatro dos Bancários (EQS 314/315)
Hoje e amanhã, às 21h, e domingo, às 20h. O espetáculo é uma comédia escrita pelo ator Bernardo Felinto, que mostra os bastidores de uma vida a dois.Entrada: R$ 60 e R$ 30 (meia). Não recomendado para menores de 16 anos.

Taguatinga
A Quarta Roda ou O Amor é Rio Sem Margem
Ocupação Cultural Mercado Sul Vive (QSB 12/13, Taguatinga Sul)
Hoje e amanhã, às 20h. Conta, utilizando símbolos que remetem ao Cerrado, a fabulosa história de amor entre artistas circenses transformados em peixes da região.Entrada gratuita. Classificação indicativa livre.


Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação