Ranking faz judô ligar o sinal de alerta

Ranking faz judô ligar o sinal de alerta

postado em 01/08/2016 00:00
 (foto: Kim Kyung-Hoon/Reuters - 28/7/12)
(foto: Kim Kyung-Hoon/Reuters - 28/7/12)



Carro-chefe de medalhas nas Olimpíadas de Londres-2012, com três pódios, o judô brasileiro passa por um momento delicado. Principalmente entre os homens. Se, há quatro anos, o Brasil contava com três atletas masculinos entre os cinco melhores do ranking mundial, hoje não tem nenhum.

Em 2012, das 28 medalhas distribuídas nas sete categorias masculinas, 17 foram para atletas do top-5. Apenas seis ficaram com judocas logo abaixo dos 10 melhores do ranking, entre eles, Felipe Kitadai, 14; e que levou o bronze na categoria até 60kg.

Dos sete brasileiros nos Jogos, apenas dois estão entre os 10 melhores: Victor Penalber, sexto na categoria até 81kg, e Rafael Silva (acima dos 100kg), bronze em Londres, e que está em oitavo.

A Confederação Brasileira de Judô não demonstra preocupação. ;O exemplo de Kitadai ilustra bem o fato de que nem sempre o ranking mundial é a medida definitiva;, explicou Ney Wilson, gestor de Alto Rendimento da CBJ.

Em 2012, o Brasil contava com três potenciais medalhistas: Leandro Guilheiro (até 81kg), líder do ranking à época; Leandro Cunha (até 66kg), em quinto; e Rafael Silva, terceiro melhor do mundo na ocasião, na categoria acima de 100kg. Somente o último ganhou medalha.

Entre as sete judocas brasileiras também houve queda. Se em Londres o Brasil tinha seis mulheres entre as 10 melhores do mundo em suas respectivas categorias, hoje conta com quatro. As únicas que mantiveram o alto nível foram a atual campeã olímpica Sarah Menezes (quarta no ranking da categoria -48kg); a brasiliense Érika Miranda (até 52kg), que manteve o quarto lugar; e Mayra Aguiar (até 78kg), líder do ranking em 2012 e atual terceira do mundo, melhor posição do Brasil entre os 14 atletas. (THM)

As posições

Veja a colocação dos brasileiros
no ranking mundial do esporte

Categoria Atleta Lugar
-60kg Felipe Kitadai 13;
-66kg Charles Chibana 18;
-73kg Alex Pombo 25;
-81kg Victor Penalber 6;
-90kg Tiago Camilo 17;
-100kg Rafael Buzacarini 20
+100kg Rafael Silva 8;

Feminino
-48kg Sarah Menezes 4;
-52kg Érika Miranda 4;
-57kg Rafaela Silva 12;
-63kg Mariana Silva 16;
-70kg Maria Portela 15;
-78kg Mayra Aguiar 3;
+78kg Maria Suelen 9;

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação