Sete irmãos em Brasília

Sete irmãos em Brasília

postado em 04/12/2016 00:00
 (foto: A09-ECO-0412)
(foto: A09-ECO-0412)



Eu cheguei a Brasília com 9 anos em 4 de agosto de 1962. Por aí, se vê o quanto eu tenho carinho pelo tempo em que vivi na cidade. Estudei, com exceção do pré-universitário, somente em escolas públicas. Fiz escola classe 304 e Ginásio Moderno, que hoje não existe mais. Depois fui para o CIEM, onde fiquei por dois anos, antes de ir para o curso pré-universitário que existia em Brasília. Me formei na Universidade de Brasília, em engenharia. Quando fui para a UnB, eu comecei a trabalhar no Banco do Brasil e, depois, no Banco Central, onde fiquei até 1985.

Quando Tancredo Neves foi eleito, fui convidado a trabalhar no governo. Participei de diversas posições tanto no Ministério da Fazenda, quanto no Planejamento. Passei dois anos no Fundo Monetário Internacional (FMI) e voltei a Brasília para trabalhar no governo do presidente Fernando Henrique Cardoso, nos dois mandatos. Só saí em 2002. Ou seja, cerca de 40 anos depois.

Com exceção de dois anos no FMI, foram 38 anos vividos em Brasília. Passei minha infância e tenho ótimas recordações da cidade. Quando volto, visito minha mãezinha, que tem 95 anos e mora na 203 Norte. E tenho sete irmãos morando em Brasília. Sou de uma família de 11 filhos. Sem dúvida, Brasília melhorou muito, tanto que os bons restaurantes de São Paulo estão na cidade.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação