Passe as férias em Brasília

Passe as férias em Brasília

A Revista garante: não faltam opções de locais para os sonhados dias de folga na passagem de 2016 para 2017. Anote aí

Por Juliana Contaifer
postado em 04/12/2016 00:00
 (foto: Barbara Cabral/Esp. CB/D.A Press)
(foto: Barbara Cabral/Esp. CB/D.A Press)

Nos últimos anos, mudou muito a relação do brasiliense com a cidade. Se, no carnaval, a cidade se esvaziava, muita gente agora prefere os blocos da capital a pagar caro em passagens aéreas para fugir daqui. No fim do ano, a mesma coisa. É época de chuva em Brasília e antigamente não sobrava uma criança debaixo dos blocos entre dezembro e janeiro. Até os bares ficavam vazios. Seja pela falta de dinheiro, seja por escolha, agora a cidade continua bem viva durante as férias.

E, para provar que o verão em Brasília não precisa ser tedioso, a Revista reuniu várias opções para curtir a folga por aqui mesmo. É uma ótima oportunidade para conhecer a cidade por outro ângulo, explorar lugares desconhecidos e ter experiências completamente novas, que só acontecem quando se tem tempo para aproveitar. Guarda-chuva em mãos, vamos nos divertir!


Vá à Stonia e prove um gelato italiano
A gelateria de DNA brasiliense abriu há cerca de um mês na 405 Sul e já está fazendo sucesso. Pode-se escolher entre 20 gelatos artesanais, que são misturados em uma pedra gelada com 40 mixes de doces, castanhas e caldas, ou provar as sobremesas idealizadas pelo chef Kadu Barros, famoso pelas receitas caprichadas em gordices. Há opções de sorvetes sem lactose, diet e veganos. Uma das apostas da casa é a Avalanche, uma taça coberta com brigadeiro de colher e castanha por fora; brownie de chocolate, ganache de chocolate belga por dentro, três bolas de gelato de vanilla, doce de leite argentino, nutella, kinder bueno e morangos ; serve até quatro pessoas (R$ 39,90).


Visite o Catetinho
A primeira residência oficial de Juscelino Kubitschek em Brasília se tornou um museu que conta a história da construção da capital federal. O prédio de madeira é simples e foi projetado por Oscar Niemeyer para abrigar o então presidente durante a construção da cidade. O nome faz referência ao Palácio do Catete, no Rio de Janeiro, que era a residência oficial a época. O local é aberto à visitação gratuita, diariamente, das 9h às 17h. Mais informações: (61) 3338-8803.


Confira as obras de Poteiro, no Museu dos Correios
A exposição Poteiro por inteiro, com curadoria de Enock Sacramento, fica até 8 de fevereiro, no Museu dos Correios (Setor Comercial Sul, Quadra 4). São cinco esculturas e 30 pinturas produzidas entre 1960 e 2010 pelo artista, que é conhecido internacionalmente pelo trabalho em na;f. Na abertura da mostra, na quinta-feira, às 19h, o curador fará uma visita guiada. De terça a sexta-feira, das 10 às 19h, e sábados e domingos, das 12h às 18h. A entrada é franca.

Conheça o Alambique Cambéba

A apenas 82km de Brasília, em Alexânia, próximo ao Outlet, fica o Alambique Cambéba. A fábrica de cachaça promove uma visita guiada gratuita que mostra todo o processo da bebida ; sábados, domingos e feriados, às 11h30, 13h30 e 15h. Os visitantes podem, inclusive, entrar em um barril gigante e sentir os aromas da aguardente. No local, funciona um restaurante, que serve almoço de terça-feira a sábado, das 11h às 15h, e domingos, das 11h às 17h. Nas sextas e sábados, oferecem também jantar até as 23h. Quem quiser levar para casa a cachaça pode passar na lojinha e aproveitar para conhecer outros produtos fabricados na região, como açúcar mascavo, flocos de milho, molho pesto e azeites. Informações: (62) 3336-2220.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação