Vice que vale uma bolada

Vice que vale uma bolada

Sem o título, o Flamengo vai a campo motivado pela premiação gorda para o segundo colocado

postado em 11/12/2016 00:00
 (foto: Gilvan de Souza/Flamengo)
(foto: Gilvan de Souza/Flamengo)



Garantir o vice-campeonato do Brasileirão é a motivação do Flamengo para o jogo contra o Atlético-PR, hoje, na Arena da Baixada. Após sonhar com o título nacional, o time carioca teve uma queda de rendimento, viu o Palmeiras levantar o troféu e chega à 38; e última rodada da competição em disputa com o Santos pelo segundo lugar.

Apenas dois pontos separam os dois times, com vantagem para os cariocas, que chegaram aos 70 após vencerem o confronto direto com o Peixe na partida anterior por 2 x 0. Terminar como vice significará embolsar R$ 10,7 milhões de premiação. O terceiro colocado terá direito a R$ 7,3 milhões.

Do outro lado, o Atlético-PR tem uma motivação ainda maior, que é uma vaga na próxima edição da Copa Libertadores. Os paranaenses estão na quinta posição, com 56 pontos, apenas um de vantagem para o Corinthians, sétimo colocado e primeiro fora da zona de classificação.

Para a partida final da temporada, o técnico do rubro-negro carioca, Zé Ricardo, tem dois desfalques importantes. Suspenso pelo terceiro cartão amarelo, Diego fica fora da equipe pela primeira vez desde que foi contratado, no meio da temporada ; foram 17 jogos pelo Brasileirão, com seis gols marcados. Durante a semana, o atleta se envolveu em problema fora dos gramados ao se recusar a ser submetido ao teste do bafômetro. Sem o meia, Alan Patrick será titular.

Na defesa, o zagueiro Rafael Vaz sofreu uma luxação no ombro e está fora da partida. Titular até metade da temporada, Juan retorna ao time para formar dupla defensiva com Réver. Apesar de ter sido pouco utilizado no segundo semestre, Juan renovou contrato por um ano e declarou que pretende encerrar a carreira no clube que o revelou para o futebol brasileiro.

O jogador também mostrou abatimento com a queda do clube na reta final do Brasileirão e traçou um objetivo para a rodada final. ;É frustrante não ganhar título. Mas quando você não luta mais pelo título, tem que chegar ao lugar mais alto. Hoje, para a gente, é o vice-campeonato;, afirmou.

No Furacão, o técnico Paulo Autuori não confirmou a formação titular, mas a única dúvida está na lateral esquerda. Nicolas se recuperou de lesão e disputa a posição com Sidcley, que foi titular no empate sem gols com o Corinthians na rodada anterior.

17h
Arena da Baixada

Curitiba (PR)

Brasileirão
38; rodada

Transmissão

Globo

ATLÉTICO-PR

Weverton; Léo, Paulo André, Thiago Heleno e Sidcley (Nicolas); Otávio e Hernani; Lucas Fernandes, L. González e Pablo; André Lima
Técnico: Paulo Autuori

FLAMENGO
Alex Muralha; Pará, Réver, Juan e Jorge; Márcio Araújo, Willian Arão e Alan Patrick; Gabriel, Éverton e Guerrero
Técnico: Zé Ricardo

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação