grita geral

grita geral

postado em 19/12/2016 00:00

NOVACAP
Setor Policial esburacado


O leitor Mário César, 33 anos, é motorista do Uber há três meses e tem lidado com situações incômodas ao longo de suas viagens. Ele conta que o asfalto do Setor Policial Sul, além de não ter uma qualidade tão boa, possui vários buracos, principalmente nas proximidades da Policlínica do Corpo de Bombeiros. ;Sempre precisamos desviar e, quando chove, a situação piora. É perigoso. Outro dia, a roda do meu carro inundou e isso afetou o ar condicionado. Foi um problema, já que estava chovendo e eu não podia abrir as janelas;, relata. O motorista afirma que, em Vicente Pires, os buracos também são recorrentes e representam um risco de danos aos carros.

; A Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap) informou que conta, no momento, com 27 equipes de ;Tapa-buraco; em operação. ;Diante da época chuvosa, reforçamos o investimento em manutenção de vias;, contam. Os locais mencionados na denúncia passarão por manutenção, e a Novacap e a Sinesp revitalizarão, no próximo ano, toda a via do Setor Policial Sul.

CAESB
Falha de comunicação


O leitor Selassie Júnior, 46 anos, reclamou para a equipe do Grita Geral que, na última sexta-feira, algumas localidades de Samambaia não tiveram água. Ele conta que entrou em contato com a Caesb e descobriu que nas QRs 206, 208 e 210 de Samambaia não haveria abastecimento na última sexta. No entanto, isso aconteceu um dia antes e a população do local, aparentemente, não estava ciente e não teve tempo para se preparar. O leitor mora na QR 604, também ficou sem água e não foi avisado. ;Isto ouvi na gravação. Então, liguei novamente para a Caesb e falei com a atendente, que me relatou o problema e atribuiu a falha ao relevo da cidade. Por isso, algumas regiões poderiam ficar sem o abastecimento;, relata. Selassie sente-se lesado por pagar impostos e não ter um serviço que comunique de forma efetiva esse tipo de situação.

; Até o fechamento desta edição, a Caesb não havia respondido.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação